Falta pouco para Moana: Um Mar de Aventuras chegar nas telas dos cinemas. O filme vai nos apresentar a uma nova princesa guerreira, aventureira e independente. Moana faz parte das princesas da nova geração, essas que não são mais dependentes de um príncipe e reforçam o feminismo que a Disney vem apresentando nós últimos anos.

Agora parece que a “The Walt Disney Company” está preparada para dar mais um passo em busca da igualdade, ou é pelo menos o que indica Ron Clements e John Musker os diretores de Moana. Segundo eles “Há espaço na Disney para uma princesa LGBTQ”, e essa ideia não está distante.

“Parece que as possibilidades estão bem abertas neste momento. A ideia vai precisar de grande apoio de um diretor e sua equipe, mas eu digo que nunca sofremos restrições com alguns dos nossos trabalhos” disse Ron e John.

A ideia de uma princesa LGBTQ apareceu na Internet no meio do ano a hashtag #GiveElsaAGirlfriend que dominou as Redes Sociais. Criada pelo blog Feminist Culture, a ideia da protagonista de Frozen ganhar uma namorada foi um dos assuntos mais comentados do Twitter.

*SERÁ QUE A DISNEY ESTÁ PRONTA PRA SAIR DE VEZ DA CAIXINHA? #GIVEELSAAGIRLFRIEND

Se a Disney confirmar uma princesa que representa a comunidade LGBTQ, será um passo revolucionário na sua indústria, porém a quem diga que a empresa não deve falar sobre relacionamentos e deve explorar apenas a criatividade do seu público infantil. O que você acha dessa nova proposta? Deixa aqui nos comentários.

Moana – Uma Mar de Aventuras estreia no dia 5 de janeiro de 2017.