Independence Day| O que aconteceu com o personagem de Will Smith? 3
Cinema

Independence Day| O que aconteceu com o personagem de Will Smith?

O trailer do novo Independence Day foi lançado essa semana e muitos fãs ainda estão se perguntando onde estaria o personagem de Will Smith? O Coronel Steven Hiller, que salvou o mundo da invasão alienígena no primeiro filme, acabou não dando as caras, mesmo com muitos pensando que ele iria fazer uma participação pessoal.

O que aconteceu com ele? Bem, seu destino foi revelado. Se vocês forem para o site do filme e procurarem na linha do tempo de 2007, iram ver que nosso herói morreu devido a problemas técnicos em sua nave.

Um modo um pouco fraco de dar um fim a um personagem como esse, mas como Will não pode participar das gravações devido a sua dedicação ao filme Esquadrão Suicida, acho que já devíamos esperar algo assim.

Independence Day: Resurgence conta com Jeff GoldblumBill Pullman e Liam Hemsworth e chega 24 de junho de 2016 nos cinemas.

Você pode conferir o trailer aqui embaixo:

 [[youtube https://www.youtube.com/watch?v=LbduDRH2m2M]]

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Independence Day| O que aconteceu com o personagem de Will Smith? 4







Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Cinema

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.