Jennifer Lawrence é uma das poucas atrizes que consegue salário igual a de seus colegas masculinos em Hollywood 15
Cinema

Jennifer Lawrence é uma das poucas atrizes que consegue salário igual a de seus colegas masculinos em Hollywood

Uma coisa interessante acabou chamando a atenção na última edição da Forbes  sobre os atores e as atrizes mais bem pagos do mundo. Não foi nenhuma surpresa descobrir que Jennifer Lawrence ( Jogos Vorazes) e  Robert Downey Jr. Vingadores: Era de Ultron) estavam no topo de suas respectivas listas. Mas olhando duas vezes, acabamos vendo algo de estranho entre os salários dos homens e das mulheres.

O atores mais bem pagos:

1. Robert Downey Jr: US$ 80 milhões (R$ 276 milhões)
2. Jackie Chan: US$ 50 milhões (R$ 173 milhões)
3. Vin Diesel: US$ 47 milhões (R$ 162,6 milhões)
4. Bradley Cooper: US$ 41,5 milhões (R$ 143,6 milhões)
5. Adam Sandler: US$ 41 milhões (R$ 142 milhões)

As atrizes:

1. Jennifer Lawrence: US$ 52 milhões (R$ 180 milhões)
2. Scarlett Johansson: US$ 35,5 milhões (R$ 123 milhões)
3. Melissa McCarthy: US$ 23 milhões (R$ 79,6 milhões)
4. Fan Bingbing: US$ 21 milhões (R$ 72,6 milhões)
5. Jennifer Aniston: US$ 16,5 milhões (R$ 57 milhões)

Em média, as atrizes ganharam bem menos do que seus respectivos companheiros homens, sendo que apenas nossa querida Lawrence se salvou pelo sucesso de Jogos Vorazes. Mas outras artistas talentosas não tiveram tanta sorte.

É um tanto preocupante isso ainda acontecer depois de tantas conquistas. Muita ainda precisa mudar.

 

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Jennifer Lawrence é uma das poucas atrizes que consegue salário igual a de seus colegas masculinos em Hollywood 16


O que você achou desse Post?

LOL
0
GOSTEI
0
AMEI
0
CONFUSO
0
Engraçado
0
Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Cinema

Leave a reply