O Retorno de Mary Poppins | “Tiramos animadores da aposentadoria”, diz diretor 6
CinemaLink na Bio

O Retorno de Mary Poppins | “Tiramos animadores da aposentadoria”, diz diretor

O diretor Rob Marshall se propôs a resgatar em O Retorno de Mary Poppins uma forma de arte praticamente abandonada por Hollywood, a animação 2D feita à mão.

“Queria realmente prestar uma homenagem ao filme original”, conta o cineasta, fã da babá fantástica desde os quatro anos de idade.

Marshall recriou com a técnica um dos momentos mais emblemáticos do musical de 1964, a viagem das crianças Banks para um mundo com animais falantes.

Confira o vídeo abaixo:

“Essa foi a sequência mais complicada de todo o filme”, explica o diretor. Há o óbvio desafio técnico de garantir que a coreografia dos atores, incluindo as crianças, funcionasse por si só, além, é claro, das interações com todos animais animados. Deve-se considerar também que todo o passeio dura cerca de 15 minutos do filme. Logo, as filmagens não foram nem simples, nem rápidas.

O Retorno de Mary Poppins | “Tiramos animadores da aposentadoria”, diz diretor 7

Mas os obstáculos começaram antes mesmo da produção, quando o cineasta e sua equipe se deram conta da escassez de profissionais especializados neste estilo de animação. 

“Precisamos tirar muitos animadores da aposentadoria, porque é uma espécie de arte perdida”. Mas, pelo relato de Marshall, nem tudo está perdido. “O que me deu muita esperança foi que muitos dos nossos animadores também eram novos, com 20 e poucos anos. Eles queriam aprender com os animadores mais velhos essa arte maravilhosa”.

O Retorno de Mary Poppins | “Tiramos animadores da aposentadoria”, diz diretor 8

O Retorno de Mary Poppins | “Tiramos animadores da aposentadoria”, diz diretor 9

Dificuldades à parte, Rob Marshall ficou muito satisfeito com o resultado final. 

“Você sente no filme que tudo foi desenhado à mão e parece uma obra de arte. Queria realmente prestar homenagem ao original desse jeito”.

via Omelete

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


O Retorno de Mary Poppins | “Tiramos animadores da aposentadoria”, diz diretor 10


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Cinema

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.