Tom Holland fala sobre representatividade na Marvel: "O mundo não é um cara branco e hétero" 10
Cinema

Tom Holland fala sobre representatividade na Marvel: “O mundo não é um cara branco e hétero”

Tom Holland comentou sobre representatividade no Universo Cinematográfico da Marvel,ao ser questionado se veríamos personagens LGBTs nos filmes do aracnídeo.

Tom, que vive o Peter Parker na nova saga de “Homem-Aranha”, disse que o mundo é muito mais que “um cara branco hétero” (via Gay Times).

“Com certeza teremos [personagens LGBT]. Eu não posso falar sobre o personagem porque honestamente eu não sei e está fora das minhas mãos. Mas, eu sei muito sobre o futuro da Marvel e eles representarão várias pessoas nos próximos anos. O mundo não é apenas um cara branco e hétero. Não termina nisso e os filmes precisam representar mais pessoas”.

Homem-Aranha: Longe de Casa” é estrelado por Zendaya, Jake Gyllenhaal, Samuel L. Jackson, Cobie Smulders, Jon Favreau, J. B. Smoove, Jacob Batalon e Marisa Tomei. Jon Watts dirige o longa.

O filme chega aos cinemas no dia 04 de julho.

via Papelpop

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Tom Holland fala sobre representatividade na Marvel: "O mundo não é um cara branco e hétero" 11


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Cinema

Leave a reply

Next Article:

0 %