Novos atores, uma nova direção, mas não necessariamente melhor.

Diário de um Banana é baseado na popular série de livros de Jeff Kinney que fez sucesso não apenas nos EUA, mas conseguiu vender bastante aqui no Brasil também. Eu mesmo li os dois primeiros livros e sempre os recomendo para crianças que estão começando a ganhar o gosto pela leitura. Os três primeiros filmes então, eles realmente conseguem trazer o espirito dos livros e são bem divertidos.

Quando a Fox revelou, depois de quatro anos, que iria fazer uma continuação da franquia com um novo elenco, eu não sabia bem o que pensar. Como os atores da trilogia original já não eram mais crianças fazia sentido, mas logo os fãs torceram o nariz para os novos atores.

Diário de um Banana: Caindo na Estrada mostra Greg Heffley (Jason Drucker) e sua família indo numa viagem de carro e muita confusão acontecendo pelo caminho, do tipo que já vimos em outros filmes. Acho que o meu problema principal com esse longa é que ele pareceu demais com comédias de viagens do gênero e menos com o Diário de um Banana em si. Não me levem a mal. Ele bebe muito da trilogia original, mas a química dos atores não ajudou a levar o filme adiante.

Embora eles até tentem, os quatro não tem muita química. Temos situações bem engraçadas, que me fizeram rir no cinema, mas no final eu não senti que via um filme dessa franquia e olha que tivemos a mesma equipe dos filmes anteriores.

No final, Diário de um Banana: Caindo na Estrada até que é um filme divertido, mas não consegue ser nem de longe tão bom quanto os outros da franquia. 

Confira o trailer:

[]

Diário de um Banana: Caindo na Estrada | Crítica
55%Pontuação geral
Personagens 40%
Enredo 55%
Fotografia 65%
Trilha Sonora 60%
Votação do leitor 0 Votos
0%

Deixe sua opinião aqui :)