Jack Reacher: Sem Retorno | Crítica 3
Críticas de Filmes

Jack Reacher: Sem Retorno | Crítica

Tom Cruise já é meio que um super-herói em seus filmes.

Jack Reacher: Sem Retorno é a sequência do filme de 2012 que traz Tom Cruise mais uma vez na pele do ex-policial militar de mesmo nome, contra uma conspiração por trás de sua antiga sede militar a da mulher que procurava conhecer. 

Baseado na série de livros de Lee Child, entramos numa aventura que Tom adora nos mostrar. Muitos tiros, um pouco de espionagem e um personagem que sabe mostrar a todos no cinema o quão habilidoso é. Claro que isso só é possível pela dedicação do ator em dar 110% em seus papeis. Ele é um dos acertos desse filme e consegue equilibrar o resto do longa com suas companheiras.

Cobie Smulders Danika Yarosh foram duas ótimas adições. Pode até ser que Tom não tivesse uma química muito forte com Cobie, tanto que o romance deles é deixado mais de lado, mas um trio interessante de se acompanhar surgiu. A personagem de Danika foi uma grande surpresa.

jack1

Mas é claro que a melhor parte é a ação. As cenas de luta, tiros e explosões deviam ter uma versão em IMAX de tão intensas que foram. Elas nos fazem deixar passar os errinhos que o roteiro acaba trazendo, mas é bom ver que o diretor Edward Zwick está no gênero certo com esse filme. Mesmo trabalhando com muitos clichês o longa funciona e o ritmo não deixa a desejar, com Tom no comando. 

tom-cruise-jack-reacher-2-185299

Jack Reacher: Sem Retorno é um filme para todos que querem um bom filme de ação ao estilo Tom Cruise. O filme pode não ter uma história melhor que a primeira, mas o ritmo melhorou muito. 

 

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Jack Reacher: Sem Retorno | Crítica 4


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Críticas de Filmes

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.