Jack Reacher: Sem Retorno | Crítica


Tom Cruise já é meio que um super-herói em seus filmes.

Jack Reacher: Sem Retorno é a sequência do filme de 2012 que traz Tom Cruise mais uma vez na pele do ex-policial militar de mesmo nome, contra uma conspiração por trás de sua antiga sede militar a da mulher que procurava conhecer. 

Baseado na série de livros de Lee Child, entramos numa aventura que Tom adora nos mostrar. Muitos tiros, um pouco de espionagem e um personagem que sabe mostrar a todos no cinema o quão habilidoso é. Claro que isso só é possível pela dedicação do ator em dar 110% em seus papeis. Ele é um dos acertos desse filme e consegue equilibrar o resto do longa com suas companheiras.

Cobie Smulders Danika Yarosh foram duas ótimas adições. Pode até ser que Tom não tivesse uma química muito forte com Cobie, tanto que o romance deles é deixado mais de lado, mas um trio interessante de se acompanhar surgiu. A personagem de Danika foi uma grande surpresa.

jack1

Mas é claro que a melhor parte é a ação. As cenas de luta, tiros e explosões deviam ter uma versão em IMAX de tão intensas que foram. Elas nos fazem deixar passar os errinhos que o roteiro acaba trazendo, mas é bom ver que o diretor Edward Zwick está no gênero certo com esse filme. Mesmo trabalhando com muitos clichês o longa funciona e o ritmo não deixa a desejar, com Tom no comando. 

tom-cruise-jack-reacher-2-185299



» Siga o Burn Book no Facebook Instagram e no Twitter e receba todas novidades dos livros, filmes e séries! «

Jack Reacher: Sem Retorno é um filme para todos que querem um bom filme de ação ao estilo Tom Cruise. O filme pode não ter uma história melhor que a primeira, mas o ritmo melhorou muito. 

 

Personagens 75
Enredo 70
Fotografia 85
Efeitos Especiais 80
Trilha Sonora 75
Nota dos Leitores:0 Votes0
77

Deixe sua opinião aqui :)

No more articles