A Netflix não atingiu a meta de 1,5 milhão de novos assinantes nos Estados Unidos e 3,7 milhões no resto do mundo segundo relatório do primeiro trimestre de 2017. Mesmo assim, os números são impressionantes: 1,42 e 3,53 milhões, respectivamente. E a promessa de quebrar a marca de 100 milhões de assinantes no próximo fim de semana.

Resultado de imagem para netflix.com gif

“Seguimos incrivelmente animados com a oportunidade à nossa frente de construir um negócio de internet e TV verdadeiramente global e durável”, declarou a empresa, que comprova sua empolgação com outro número exorbitante: US$1 bilhão de investimento em marketing.

Se os seguidores e consumidores da plataforma já achavam as propagandas e campanhas impressionantes, podemos esperar muito mais agora. Como empresa, a Netflix sempre revolucionou o conceito de propaganda e marketing com divulgações cativantes.

Um cliente americano entrou em contato para relatar um erro ocorrido durante um episódio da série que ele assistia. Em vez de encontrar aquele atendimento padronizado, ele recebeu um suporte diferente, com referências a uma de suas séries preferidas: Star Trek. No final do atendimento, quando questionado se teria mais algum problema com o qual a Netflix poderia ajudá-lo, o cliente responde que quase deseja ter , visto que essa foi a melhor experiência com atendimento ao consumidor que ele já teve. 

Além de se comunicar diretamente com seu consumidor de um jeito inovador, a última campanha da Netflix com Fábio Jr. invadiu as redes sociais para anunciar que todos os episódios da série Santa Clarita Diet estão disponíveis. Cantando seu sucesso “Alma Gêmea” o artista e seus músicas ficam ensanguentados no final do vídeo. 

A quantia absurda está, é claro, sendo muito lucrativa para a Netflix. Segundo a Variety, o faturamento da empresa ao fim dos três primeiros meses do ano foi de US$2,64 bilhões. Com isso, suas ações seguem ótimas: 40 centavos de lucro por ação, superando a estimativa de 38 centavos por ação de Wall Street.

Fonte Adorocinema; Comunicação & Tendências

Leia mais sobre Netflix

Deixe sua opinião aqui :)