Olá leitores do Elixir Br, hoje vou fazer a cobertura do evento que aconteceu ontem em São Paulo, a tarde de autógrafos e coletiva de imprensa da Hilary Duff. Primeiramente queria agradecer ao Fagner da editora iD pela oportunidade e apoio em todas os aspectos para que eu pudesse conhece-la, e no fim foi até mais do que eu esperava. Muito obrigado mesmo, e pode contar comigo para qualquer evento, agradeço em nome da equipe do Fã Clube Elixir Br, e em nome de todos os fãs que puderam de alguma forma compartilhar o momento mágico de ontem. À tarde de autógrafos aconteceu no shopping Morumbi, e inicialmente seriam distribuídas 300 senhas, e como no Rio de Janeiro foi um caos, alguns fãs chegaram de madrugada, por volta de 5 horas da manhã e esperaram o shopping abrir para ir para outra fila, e ai sim esperar até ás 14 horas para pegar a sua senha.

Mas por uma falha da saraiva, as senhas foram distribuídas por volta das 10 horas da manhã e assim poucos conseguiram pegar as senhas. Cheguei no shopping meio dia e meio, e fiquei meio em choque, tinha uma fila de mais ou menos 150 pessoas na frente do shopping, parecia dia de show com o pessoal sentado na calçada, desde aquele momento já sabia que algo estava errado.

 
 
Como eu estava com a credencial do Elixir BR vieram conversar comigo, assinei um abaixo assinado para tentar conseguir mais uma sessão de autógrafos e fiquei conversando por um bom tempo com os fãs pra saber o que estava acontecendo. Depois de uns 20 minutos, segui para a Saraiva, e lá estavam os 300 fãs (que tinham senhas) ou boa parte deles aguardando dar 16 horas para enfim conhecer a Hilary Duff. Como eu estava credenciado pela editora, não precisei pegar senha e tive acesso a coletiva de imprensa.
 
 

A coletiva começou por volta de 15:40 e foi dividida em 4 blocos. A Mtv foi a primeira a ter acesso a coletiva, seguida pela revista Capricho e a Atrevida, depois a coletiva foi liberada para que os outros veículos de imprensa pudessem tirar fotos e entrevista-la por um curto período de tempo. A Larissa foi comigo e acompanhou tudo registrando tudo para a cobertura. Fomos os últimos a entrevistar a Hilary Duff (vou dividir essa parte do que aconteceu, e o momento fã). Conversei por 5 minutos com a Hilary Duff, me apresentei e fiz algumas perguntas sobre o livro, e depois perguntei sobre a sua vida pessoal, envolvendo carreira e daqui a alguns meses mãe, logo mais vocês podem conferir o vídeo da entrevista aqui no blog. 
 
 
 
 
 

Agora o momento fã descontrolado (que não sei como eu mantive a linha e conversei normalmente com ela) quando falaram assim pra mim: Next, meu coração disparou e pensei: é agora ou nunca, e lá fui eu entrevistar a Hilary, fiquei a menos de um metro dela, estava super nervoso e tinha certeza de que não ia conseguir falar nada, e só ficar olhando para ela, admito que por uns 10 segundos fiquei meio em choque porque ainda não tinha caído a ficha de que tudo aquilo estava realmente acontecendo. Comecei a entrevista falando que eu estava prestes a ter um ataque do coração e que eu estava sem voz (ainda estou) mas a Hilary é tão simpática e transmite energias tão positivas que mantive a calma e comecei a conversar com ela. A cada palavra era um sorriso, consegui conversar em inglês fluentemente com ela (eu estava tremendo de tanto nervoso, mas continuei a entrevista mesmo assim).

 

Ela respondeu e entendeu tudo o que eu perguntei, foi super carismática e falava que estava amando tudo aquilo, eu tinha direito a duas perguntas, mas acabei fazendo quatro perguntas, aproveitei o momento final da entrevista e pedi para abraçar ela, não custava tentar neh, ai ela levantou e abriu os braços e falou: pode vir, ai que eu quase morri de vez mesmo, pedi forças pra Aslan e abracei ela me controlando ao máximo para não surtar, falei que amava ela e que ela sempre seria a Lizzy para mim, não podia acreditar que ela estava gravida, mas mesmo assim desejava toda a sorte do mundo e que ela continuasse assim, a Lari também abraçou ela e conversou um pouco com ela, nisso nosso tempo já tinha se esgotado, e o segurança dela já estava fazendo sinal de corta, que a coletiva tinha acabado. 
 
 
 
 
A Lari entregou um exemplar de Elixir pra Hilary e ela autografou, ai fui correndo até a minha mala e peguei os meus dois exemplares de elixir em inglês (paperback e hardcover) que eu li no lançamento e pedi para ela autografar, o segurança falou que não, mas a Hilary (linda) falou: Não, pode dar aqui que eu autografo pra você, ela autografou meus dois livros, e mesmo escrevendo Guilheme em um dos livros, o momento foi mágico, mas não tinha acabado ainda, quando eu estava indo embora, ela falou: não vai me dar tchau não? Ai que fiquei paralisado de vez, era demais pra minha cabeça e quase desabei, fui e abracei a Hilary pela ultima vez e sai da coletiva. Os fãs esperavam pela sua vez na fila, cantando, gritando, tirando fotos e por ai vai, estava a maior bagunça na Saraiva, parecia fila de show mesmo.
 
Mesmo por alguns deslizes na organização do evento, o dia valeu e tenho certeza que para quem conseguiu pegar a senha e conhecer a Hilary foi um momento mágico.
 
Post Atualizado
*Logo mais posto o vídeo legendado
 
Confiram a cobertura do Eder, uma outra visão do que aconteceu no dia 05/09.

Tudo começou na madrugada do dia 04 para o dia 05, quando eu virava na cama de 10 em 10 minutos, e não conseguia dormir – apenas pensava que ao fechar os olhos iria acordar só de manhã – porém estava errado, acordei as 22:00, depois as 23:00 e por ai foi indo até umas 3 da manhã, quando finalmente consegui dormir. Acordei por volta das 5 horas, e muito feliz sai da cama, me arrumei e parti em direção ao Morumbi Shopping, sempre pensando em ‘o que falar para a Hilary?’ … após duas longas horas, cheguei no Morumbi, e já havia umas 110 pessoas. Um menino – super legal – ajudou muito na organização, fazendo uma lista não oficial, para não causar confusão. Até o momento as senhas seriam entregue ás 14:00 porém com o acumulo de fãs, e por estarmos atrapalhando as entradas do shopping, a Saraiva decidiu entregá-las as 11:00. Muitos fãs reclamaram pois chegaram as 14:00 e já haviam entregue, porém não havia fundamento, pois mesmo que as senhas fossem entregues no horário combinado, já havia 300 pessoas na frente.

Ao pegarmos a senha que por sinal estava escrito ‘Hillary Duff’ com dois ‘L’, fomos em direção a fila que já se formava dentro da Saraiva, depois de muitas horas de fila, e o locutor da loja anunciando a mesma coisa a cada cinco minutos, fecharam metade da loja com faixas, para que não houvesse tumulto. Isso fez com que umas 300 pessoas sem senha, entrassem na loja e começasse a gritar ‘queremos senha, queremos senha’ sendo respondida pelos que já possuíam senha com ‘chegasse mais cedo, chegasse mais cedo’. Após muita espera, Hilary chegou mais ou menos 16:00, indo diretamente para a coletiva de imprensa. A sessão de autógrafos começou em média as 16:40 – onde passavam de 10 em 10 fãs para a parte isolada da Saraiva. Obviamente a cada passo em direção daquela sala, o coração batia mais forte, ao chegar em frente pude ver ela sendo simpática com os fãs que estavam na fila. Uma mulher que nos recepcionou, nos mostrou a página que deveria ser aberta para entregar a Hilary, e nos deu alguns recados do tipo, não abraçar muito forte, evitar muito contato físico por causa de sua gravidez e etc. Ao chegar minha vez, entrei –tremendo – e falei ‘Oi Hilary, Te amo muito, eu trabalho no HilaryDuff.com.br’ ela super simpática falou ‘owwn obrigado pelo trabalho, você é um doce’ e eu mal podia imaginar que ela estava na minha frente falando comigo, quando de repente o Ryan (segurança de Hilary) me questionou ‘Verdade? Hilary Duff Brasil?’ eu em seguida falei ‘Sim’ e sorri, ele me perguntou ‘Você poderia me dar seu email?’ eu comecei a tremer, ele queria o meu email. Ryan pegou um papel e uma caneta e me deu, nisso eu comecei a tremer mais ainda, e não conseguia parar, mas consegui escrever meu email. Ele agradeceu, e já estava quase indo embora, quando a Hilary levantou e colocou a mão em meu ombro para tirar uma foto,e me abraçou, super simpática, após a foto eu disse ‘Que Deus abençoe seu bebê’ e ela disse ‘Muito Obrigado’ e mandou um beijo.

Sai daquela sala, sem poder acreditar em tudo que havia acontecido. Quando abro meu livro, ela havia escrito ‘Eder – Obrigado pelo seu difícil trabalho (no site) – Muitos abraços para você XX Hilary Duff’. Não conseguia para de tremer, e ao ver que em todos os livros ela apenas autografava o seu nome fiquei mais feliz ainda, certamente um, dos dias mais felizes da minha vida. Valeu todo o esforço, todas as horas em espera e muito mais. Ela é uma pessoa incrível, super simpática e bem humorada. Espero que ela volte em breve para o nosso país, e quem não conseguiu conhecer ela, que possa ter essa oportunidade incrível.

 

Deixe sua opinião aqui :)