Olá leitores do Burn Book. Estou aqui para fazer o relato do meu segundo dia de bienal.22ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo chegou com tudo, variedades/lançamentos, preços bons (e bota bons nisso) e muitos eventos para compensar a falta de autores internacionais comparada a bienal do ano passado no Rio. Vou continuar a cobertura no mesmo modelo do primeiro dia, ok?

Como dia 12 de agosto é Dia dos Pais, cheguei na Bienal depois do almoço, por volta das 15:30 hrs. A Bienal estava muito mais calma e dava pra caminhar tranquilamente sem esbarrar em ninguém.

 

– Dia A culpa é das estrelas, no estande da Intrínseca (D6)! Terá atividades durante todo o dia, com instalação interativa, bate-papo e exibição de vídeos.

Fui para a Bienal especificamente para esse evento, e mesmo durando pouco, valeu a pena. O evento foi organizado pelos Nerdfightersbr, mas o que são nerdfighters? Confira mais informações no link.

O evento do Dia A Culpa é das Estrelas começou com um aquecimento John Green, ou parte dele. Se você quiser praticar exercicios para nerds, separe um espaço na sua sala e bom divertimento.