Antigo palacete abandonado na Avenida Paulista será transformado em museu interativo

O Casarão Franco de Mello – um antigo casarão de barões do café – localizado na Avenida Paulista abrigará o novo espaço cultural da cidade, anunciou a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. Tombado como patrimônio estadual em 1992, o palecete passa a ser administrado pela Secretaria da Cultura após 27 anos de impasse judicial com os antigos proprietários do imóvel, a família Franco de Mello. 

A casa de cinco mil metros quadrados, 35 cômodos e uma grande área verde será transformada em um espaço imersivo e interativo nos moldes do famoso Exploratorium, laboratório público de aprendizado localizado em São Francisco. 




Para viabilizar a implementação do novo museu, o Governo do Estado fará permissão de uso do Casarão para que a Confederação Nacional da Indústria (CNI), por meio do Sesi nacional, execute reformas, preservando as características do local, para a implantação do novo espaço que ainda não tem nome definido. O restauro do imóvel e a construção de um anexo se dará de acordo com projeto aprovado nos órgãos de patrimônio.

“A avenida Paulista ganha mais um espaço cultural interativo, com as características do Exploratorium em São Francisco”, destacou Doria lembrando que serão, agora, cinco centros de cultura na avenida mais famosa do Estado.

A iniciativa terá o apoio de diversas instituições internacionais, como o Exploratorium e o Smithsonian, entre outras. “Dois pontos positivos dessa parceria: primeiro com a Exploratorium, com quem já estamos há dois anos discutindo como levar ao Brasil o que eles tem de melhor e, segundo, por levar essa estrutura para São Paulo, que vai permitir mostrar para o Brasil inteiro como que a ciência, a tecnologia e a inovação podem contribuir com os jovens do futuro”, destacou Robson Braga de Andrade, presidente da CNI. 

via casavogue

Leia Mais
Põe a mesa porque Capitu Vem Para o Jantar