Secretaria da Fazenda faz operação contra sonegação impostos em vendas de games 3
Mundo Geek

Secretaria da Fazenda faz operação contra sonegação impostos em vendas de games

A Secretaria da Fazenda realizou uma operação chamada “Game Over” (sério, meu sonho é trabalhar no setor que escolhem os nomes dessas operações do governo) para combater a sonegação de impostos de vendas de videogames e outros produtos relacionados. 

Segundo o G1., uma investigação aponta que cerca de 40 empresas sonegaram quase R$ 250 milhões em impostos com venda de produtos de videogames e movimentaram aproximadamente R$ 800 milhões desde 2015 em um esquema fraudulento.

Uma das companhias investigadas que recebe a mercadoria é a B2W, responsável por lojas como Submarino, Americanas e Shoptime.

De acordo com a Secretaria, o grupo teria aberto empresas de fachada para realizar atividades ilegais:

O grupo abriu diversas empresas de fachada, utilizando-se de sócios laranjas para emitir notas fiscais com o objetivo de ‘esquentar’ as mercadorias e simular o recolhimento do ICMS devido em operações sujeitas ao regime de substituição tributária. Com aparência de legalidade, empresas distribuidoras, também pertencentes ao grupo, recebiam essas mercadorias e as revendiam a grandes redes varejistas. Estas comercializavam com os consumidores finais por meio de suas plataformas e-commerce e de suas lojas físicas.

via Jovem Nerd

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Secretaria da Fazenda faz operação contra sonegação impostos em vendas de games 4


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Mundo Geek

Leave a reply