Andrew Garfield pode já não ser mais o Homem Aranha 3
CinemaNotícias

Andrew Garfield pode já não ser mais o Homem Aranha

Pelo visto é o fim da franquia do Espetacular Homem Aranha e com ela Andrew Garfield se despede do herói. O ator que, já se assumiu como um grande fã do Aracnídeo, talvez não volte para o próximo filme.

Todos já sabem do acordo que está circulando na internet entre a Sony e a Marvel Studios em fazer o herói parte do universo cinematográfico dos Vingadores. A Sony no momento está cheia de propostas e irá discutir em breve o rumo que o Amigo da Vizinhança seguira nos cinemas, mas parece que Andrew não faz parte deles.

O ator já se mostrou muito insatisfeito com o resultado do segundo filme e com a interferência do estúdio. Muitos disseram que o estúdio resolveu levar o segundo filme para uma direção completamente diferente, o que acabou por prejudicar boa parte da trama. 

Se a Sony ceder o personagem a Marvel Studios teremos uma nova trilogia começando do zero e o Aranha seria introduzido em Capitão América: Guerra Civil. Se Andrew realmente não retornar podemos supor que o acordo estaria perto de acontecer, já que para reintroduzir o personagem eles precisariam de um novo ator.

Tenho que admitir que essa notícia me incomoda, não a parte do Homem Aranha indo para a Marvel, isso eu to louco para ver, mas o fato de Andrew sair da franquia. Ele foi uma das coisas de melhor dela. O ator que mais incorporou o personagem 

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Andrew Garfield pode já não ser mais o Homem Aranha 4


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Cinema

Leave a reply