Casal que administrava o Mega Filmes é preso 3
Notícias

Casal que administrava o Mega Filmes é preso

Um dos sites de filmes e séries mais visitados, não estou falando do Netflix, deve fechar logo as portas. O Mega Filmes possui um lucro mensal de R$ 70 mil reais e 60 milhões de visualizações, sendo apontado como o maior portal da América Latina de pirataria. 

Um casal de Cerquilho foi preso essa semana, suspeitos de gerenciar o site junto com mais cinco pessoas. O site oferecia mais de 150 mil títulos que incluía filmes, séries de TV, shows e documentários gratuitos para fãs e por isso a Vara de Justiça de Sorocaba ordenou que ele seja retirado do ar em cinco dias

Esse é mesmo um dia triste para aqueles que distribuíam apenas conteúdo interativo para uma legião de fãs. Eu entendo que não é justo para muitos ver sua obra circular sem pagar os devidos direitos autorais, mas não acho que esse seja o melhor caminho. Outros sites surgirão e não serão calados. A justiça tem que saber lidar da melhor forma com esses mídias interativas que vivem surgindo, como fizeram com o Netflix. 

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Casal que administrava o Mega Filmes é preso 4


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Notícias

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.