Conheca Silo, a nova distopia da Intrinseca 3
Notícias

Conheca Silo, a nova distopia da Intrinseca

Esse é o primeiro post da "Semana Silo", uma semana comemorativa para o lançamento de Silo, a nova distopia da Editora Intrínseca. 

silo_hughhowey

O que você faria se o mundo lá fora fosse fatal, se o ar que respira pudesse matá-lo?

E se vivesse confinado em um lugar em que cada nascimento precisa ser precedido por uma morte, e uma escolha errada pode significar o fim de toda a humanidade?

ESSA É A HISTÓRIA DE JULIETTE

ESSE É O MUNDO DO SILO!

No livro, uma civilização sobrevive há gerações em 144 níveis de um enorme silo debaixo da terra, uma vez que a superfície terrestre tornou-se inabitável. Nessa realidade claustrofóbica, a curiosidade deve ser dominada, as conversas, aquietadas, e as suposições, punidas.

Confira o BookTrailer do livro:

Leia um trecho do livro

A obra, que faz parte de uma série, foi publicada pela Intrínseca em março.

SeloSilo (1)

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Conheca Silo, a nova distopia da Intrinseca 4







Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Notícias

1 Comment

  1. Adoro distopias e fiquei bem curiosa sobre a sinopse. Deve ser horrível viver no subsolo, dentro de um silo sem poder ver o sol, imagina?
    Beijos,

    Déia!

    Own mine

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.