J.K. Rowling permite o uso de "Harry Potter" em HQ que homenageia as vítimas da boate Pulse. 4
Notícias

J.K. Rowling permite o uso de “Harry Potter” em HQ que homenageia as vítimas da boate Pulse.

J.K. Rowling permitiu o uso da imagem de Harry Potter na HQ “Love is Love”, a publicação é uma parceira das editoras DC Comics e IDW  em homenagem às vítimas do massacre na boate Pulse. Rowling liberou os personagens de sua saga a pedido de Jim Lee, editor da DC Comics, a escritora  ainda permitiu o uso de uma citação de Dumbledore em “Harry Potter e o Cálice de Fogo”:

“As diferenças de hábito e linguagem são irrelevantes se os nossos objetivos são os mesmos e os nossos corações estão abertos“

Nesta segunda (19) foi liberada uma ilustração, feita por Jim, de Dumbledore, Harry, Rony e Hermione levantando suas varinhas, e a frase de Alvo como legenda.

J.K. Rowling permite o uso de "Harry Potter" em HQ que homenageia as vítimas da boate Pulse. 5

Fora J.K. Rowling “Love is Love” tem colaboração de Morgan Spurlock, Matt Bomer, Patton Oswalt e Taran Killiam. O quadrinho será lançado dia 28 de dezembro no valor de 9,99 dólares (R$ 33.00). Todo o dinheiro arrecadado com as vendas da HQ será redirecionado para a Equality Florida, essa que criou um fundo para as famílias vítimas do atentado. 

No dia 12 de junho de 2016 a Boate Pulse, localizado na cidade de Orlando, Flórida foi vítima de uma atentado terrorista pelo menos 50 pessoas foram mortas e 53 ficaram feridas.

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


J.K. Rowling permite o uso de "Harry Potter" em HQ que homenageia as vítimas da boate Pulse. 6


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Notícias

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.