Keira Knightley proibiu sua filha de assistir a alguns filmes da Disney 3
Notícias

Keira Knightley proibiu sua filha de assistir a alguns filmes da Disney

Keira Knightley já trabalhou com a Disney mais de uma vez, mas isso não quer dizer que ela concorde com a ideologia de todos os filmes lançados pela empresa. Em uma entrevista para o programa The Ellen Show, a atriz afirmou que proibiu sua filha de ver alguns longas da Disney. Quem diria?

Segundo Keira, um dos filmes que ela proibiu foi Cinderella porque “ela espera o cara rico vir resgatar ela“. “Não faça isso! Resgate você mesma“, adicionou a atriz.

Além dele, Knightley também não deixa sua filha ver A Pequena Sereia.As músicas são lindas, mas não desista da sua voz por causa de um homem“, afirmou ela. “O problema é que eu amo A Pequena Sereia. É meio difícil, mas vou manter a proibido”.

Ainda assim, vale dizer que há muitos filmes da Disney que a atriz não vê problemas. Ela afirmou que Procurando Dory é um dos favoritos de sua filha, assim como Frozen e Moana.

via eonline

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Keira Knightley proibiu sua filha de assistir a alguns filmes da Disney 4







Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Notícias

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.