Livro transformado em filme perde conteudo, diz campanha 16

Livro transformado em filme perde conteudo, diz campanha


Publicado no Adnews

Quando um filme ganha sua adaptação cinematográfica, os fãs da versão literária da obra costumam dizer: "Será bom, mas não vai superar o livro". Segundo os defensores da obra impressa, muito do conteúdo transmitido pelas palavras é perdido quando a história se torna um longa. O Sebo Museu Do Livro aproveitou este conflito em sua nova campanha.



Criada pela RockerHeads, as peças defendem, obviamente, os livros. As obras aparecem com cortes que representam a versão em DVD de algum filme. Tudo que sobra é o que se perde quando um livro é transformado em longa de cinema. Conforme mostram as imagens, o estrago é grande.

Dois livros – que tiveram versões cinematográficas – são mostrados: "O Código Da Vinci" e "Harry Potter".

A direção de criação é de Sergio Baldassari. Eduardo Borges é o diretor de arte, a redação é de Rafael Bornacina, já a fotografia ficou por conta de Ivan Berger e os retoques são da Liquid 3D.

Confira:

Livro transformado em filme perde conteudo, diz campanha 17

Livro transformado em filme perde conteudo, diz campanha 18

Minha cara quando eu fico sabendo que um dos meus livros favoritos vai virar filme: 

Dr.-Who

Créditos – Reprodução


Livro transformado em filme perde conteudo, diz campanha 19

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
Livro transformado em filme perde conteudo, diz campanha 29
Netflix divulga novo cartaz da adaptação americana de Death Note