Publicado na Rollingstone

Cada vez mais próxima de se tornar realidade, a adaptação da HQ Sandman, de Neil Gaiman, ganhou mais um produtor. Trata-se de Joseph Gordon-Levitt, que se junta David S. Goyer para tirar o projeto do papel.

A notícia foi dada por Gordon-Levitt, que, desde que participou de Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge vem sendo ligado a outros projetos relacionados a adaptações de histórias em quadrinhos.

1455860_655295931187921_2146707193_n

“Senhoras e senhores, estou incrivelmente honrado em trabalhar com David Goyer, Warner Bros e @neilhimself (perfil oficial de Neil Gaiman) em Sandman”, escreveu ele no Twitter, antes da hashtag “#prelude”, o que pode indicar que o primeiro filme baseado na trama seja um prelúdio.

Gaiman estará envolvido na saga cinematográfica do personagem Morpheus, uma espécie de deus que personifica e governa o mundo dos sonhos. Ele assinará a produção executiva do projeto.

Gordon-Levitt, que recentemente fez a estreia como diretor, com Como Perder Essa Mulher, fez questão de amenizar os ânimos mais exaltados e explicar que, até o momento, seu trabalho será atrás das câmeras.

Só para esclarecer, pessoal. Eu serei o produtor de Sandman. O resto ainda será visto”, escreveu ele. “[Estou] Maravilhado pelo fato de vocês estarem animados. Eu também estou!”.


Goyer, roteirista de Batman: O Cavaleiro das Trevas (ele assina o roteiro do primeiro filme e o texto inicial dos outros dois, em parceria com Christopher Nolan), fará o tratamento da trama e será resonsável por supervisionar o texto final levado à telona.


» Siga o Burn Book no Facebook Instagram e no Twitter e receba todas novidades dos livros, filmes e séries! «

Sandman, publicada entre 1989 e 1996, já foi alvo de vários projetos e adaptações, tanto para o cinema quanto para TV. A DC Comics, que publica os quadrinhos da editora Vertigo, chegou a negociar com a HBO para transformar a saga de Morpheus em uma série televisiva. A Warner Bros. Television também tentou dar seguimento a esta ideia, mas o projeto esfriou novamente. 

Créditos – reprodução

Deixe sua opinião aqui :)