What's Hot # 3 : Under the Never Sky, da autora brasileira Veronica Rossi. 5
Notícias

What’s Hot # 3 : Under the Never Sky, da autora brasileira Veronica Rossi.

Olá leitores do Burn Book. Hoje estou aqui para fazer o 3° post da coluna "What's Hot', onde vou comentar dos principais lançamentos internacionais e o que está fazendo sucesso lá fora.

What's Hot de hoje é sobre o livro Under the Never Sky, da autora brasileira Veronica Rossi.  O livro é o primeiro livro de uma trilogia, a qual leva o mesmo nome, e foi lançado no mês de fevereiro nos Estados Unidos. No Brasil, o livro vai ser publicado pela editora Prumo.

MUNDOS MATINHA-OS SEPARADOS.
DESTINO OS UNIU.
 
What's Hot # 3 : Under the Never Sky, da autora brasileira Veronica Rossi. 6
Aria viveu sua vida inteira na protegida cúpula de Reverie. Seu mundo é confinado e ela nunca pensou em sonhar com o que está além das portas. Então, quando sua mãe desaparece, Aria sabe que suas chances de sobreviver ao deserto lá fora tempo o suficiente para encontrá-la são poucas.

Então Aria encontra um estranho chamado Perry. Ele está procurando alguém também. Ele também é um selvagem mas pode ser sua melhor esperança de permanecer viva.

Assista o book trailer e clique aqui para ler os primeiros oito capítulos do livro (Em inglês).

 

 

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


What's Hot # 3 : Under the Never Sky, da autora brasileira Veronica Rossi. 7


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Notícias

10 Comments

  1. Não sabia que esse livro era escrito por uma brasileira :O

    1. Oi Miki
      Eu também fiquei meio em choque quando eu vi que era escrito por uma Brazuca, ela fez o caminho certo, será que essa moda pega?

      Obrigado pelo comentário

      Bjs

      Att. Guilherme

  2. Muito legal esse livro , estou louco pra ler e acho super digno uma autora querer fazer o caminho inverso , inveja dela hehe

    1. Hey Ma o/
      Eu também, como te falei, SE um dia eu terminar o meu livro (assim espero) vou tentar de tudo pra publicar ele lá fora antes de anunciar aqui no BR :X

      Oi Miki
      Eu também fiquei meio em choque quando eu vi que era escrito por uma Brazuca, ela fez o caminho certo, será que essa moda pega?

      Obrigado pelo comentário

      Abraços

      Att. Guilherme
      My recent post News: A Escolha e Um Homem de Sorte, de Nicholas Sparks

  3. Caramba, o livro é escrito por uma brasileira e foi lançado primeiro nos Estados Unidos? Como assim? Bom, acho interessante ela começar desse jeito "inverso" e espero que faça sucesso mas, como não entendi a história principal direito, a princípio não tenho interesse em lê-la.

    1. Hey Yuri
      Ela mora lá, ai resolveu fazer o caminho inverso, super inovador e a ideia deu certo, porque está vendendo muito lá fora e já tem Editora aqui no BR \o\

      Oi Miki
      Eu também fiquei meio em choque quando eu vi que era escrito por uma Brazuca, ela fez o caminho certo, será que essa moda pega?

      Obrigado pelo comentário

      Abraços

      Att. Guilherme
      My recent post News: A Escolha e Um Homem de Sorte, de Nicholas Sparks

      1. Cara, tu acredita que só vi sua resposta agora? Eu comento e esqueço de voltar nos tópicos depois. Só voltei porque ia comentar no da capa do segundo livro e queria ver sobre o que a história se tratava e o que comentei kkkkkk

        Sim, a ideia é inovadora mesmo. Sem contar que, infelizmente, as chances dela atingir sucesso tanto lá fora quanto aqui seriam bem menores se ela fizesse o processo inverso. Foi um "risco" que deu certo digamos assim.

        E, respondendo pelo Mike, eu acredito que alguns autores tentaram se arriscar também.

        Abraços

  4. Muito fofo!
    UHAHUAUHA Concordo com o Yuri.

    Selene Blanchard
    Blanc – ModaeEu.blogspot.com – TEM PROGROÇÃO COM BlackBerry

    Espero sua visita!

    1. Oi 🙂
      Eu já comecei a ler e é muito bom, mas tive que parar por causa de alguns livros de parceria que estavam meio que atrasados.

      Oi Miki
      Eu também fiquei meio em choque quando eu vi que era escrito por uma Brazuca, ela fez o caminho certo, será que essa moda pega?

      Obrigado pelo comentário

      Bjs

      Att. Guilherme
      My recent post News: A Escolha e Um Homem de Sorte, de Nicholas Sparks

Leave a reply