Olá, leitores do Burn Book. Estou aqui pra fazer um post especial da coluna Burn Cine, sobre o filme A Última Casa da Rua. Fui convidado pela Editora iD para assistir o filme na pré-estreia em São Paulo e adianto uma coisa: Não me decepcionei nem um pouco e a Jennifer Lawrence vem atuando cada vez melhor no decorrer de sua carreira. É notável a evolução da atriz, desde seu ultimo trabalho em Jogos Vorazes ela não deixou barato e mostrou que sabe atuar (com o seu senso de humor ácido) em A Última Casa da Rua.
 

Não quero revelar muito da trama do filme, por isso me contento em dizer que o filme classificado como “Terror” se encaixa perfeitamente na categoria de “Suspense” e cumpre o prometido com vários momentos tensos e pulos coletivos da poltrona do cinema. 

A Última Casa da Rua tem seus momentos de comédia, drama e é claro, o suspense psicológico, recomendo! Confira o trailer e algumas informações sobre o filme e a adaptação do livro publicada pela Editora iD no Brasil. Link da página oficial no Facebook. 

Dispostas a conquistar uma nova vida, a jovem Elissa (Jennifer Lawrence) e sua mãe Sarah (Elisabeth Shue), que se separou recentemente, se mudam para uma nova casa em uma nova cidade. Tudo ia bem até o momento em que elas descobrem que a casa ao lado foi palco de um terrível assassinato em série. A situação só piora quando Elissa, sem saber, faz amizade com Ryan (Max Thieriot), o único sobrevivente do episódio.
Confira o trailer do filme: