Resenha: A Casa de Hades, de Rick Riordan

Oi leitores do Burn Book, tudo bem? Sou o João Luís Dutra do blog Jonny’s Box e fui convidado a compartilhar uma de minhas resenhas.

Antes de qualquer coisa gostaria de apresentar um pouco do meu blog e convidar vocês a acessarem. O Jonny’s Box foi criado há mais ou menos um ano e tem sido atualizado, apenas por mim, desde então. Lá eu falo sobre livros, séries, filmes, musicais e tudo que eu acho interessante nesse mundo meio nerd. 



Meu gênero literário vai desde Paulo Coelho até J.K Rowling, gosto de novos ‘desafios’ e é por isso que sou bem crítico nas resenhas que faço… Enfim, vou deixar minha resenha falar por mim.

CAPA_ACasaDeHades_WEB

 

 

 

 

A Casa de Hades

Autor: Rick Riordan
Páginas: 496
Editora: Intrínseca
Compre pelo link 

 

 

 

 

 

O mais recente lançamento da saga ‘Os heróis do Olimpo’ foi minha última leitura de 2013. A Casa de Hades é o quarto livro da saga que segue Percy Jackson e os olimpianos.

Não fiz resenha de nem um dos da série por um motivo: eu acho todos eles extremamente complexos, no sentido de que acontecem MUITAS coisas que pode ser considerado importante. É quase impossível não criar uma resenha sem spoiler, por isso já digo que esse post é mais sobre o que eu achei do livro.

No final do terceiro livro Annabeth e Percy caem no Tártaro (ou em alguma parte do corpo dele) e é assim que inicia a nova parte da história. Enquanto eles correm contra o tempo para as portas da morte, onde – quem sabe – consigam achar uma saída do mundo inferior. Enquanto isso, os outros semideuses precisam ir até a Grécia e torcer para que os dois consigam chegar até as portas – vivos, de preferência.

Esse livro foi um tanto diferente, em minha opinião, nos primeiros o autor só mostrou o lado de alguns semideuses, no primeiro os gregos e o invasor romano, no segundo os romanos e o invasor grego e no terceiro a união de todos eles, mas mesmo assim não são todos que ganham um capítulo, já no novo livro quase todos são valorizados.

Não foi a leitura mais agonizante do meu ano literário, mas digo com segurança que fiquei com o coração apertado em vários, vários, vários momentos. Por muito pouco eu achei que nem todos iriam sobreviver, mas digamos que foi o melhor final de todos os livros até então…

Quem, assim como eu, esperou pelo lançamento do livro rio muito logo nas primeiras páginas, já de cara o Rick esnoba os leitores, e a gente ama isso…

Para meus maravilhosos leitores:

Lamento pelo último suspense.

Quer dizer, não, não de verdade. HAHAHAHA.

Mas, falando sério, adoro vocês, pessoal.

Rick Riordan

Demorei mais de um mês para ler, admito que tentei e não consegui, eu tinha acabado de sair de uma ressaca literária absurda e juntando com a frustração de não ter conseguido comprar o livro na semana do lançamento. Foi na última semana do ano que peguei o livro novamente e reli tudo que já havia lido e consegui finalizar, com gosto.

The-House-of-Hades-with-Percy-Jackson-and-Annabeth-Chase

Esse foi de longe um dos livros mais emotivos, apesar de que as desgraças fazem parte da vida dos semideuses que por nós são tão queridos, ACDH foi o que mais mexeu comigo. 

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
Drama “Duas Rainhas” ganha novo cartaz com Saoirse Ronan e Margot Robbie