Resenha: A Escolha, de Kiera Cass 3
Resenhas

Resenha: A Escolha, de Kiera Cass

1797359_418084661658517_1375534386_n

 

 

 

 

Título: A Escolha (The One)
Autor(a): Kiera Cass
Editora: Seguinte
Número de Páginas: 352
Classificação: 4/5  estrelas

Garanta o seu exemplar de "A Escolha" pelo link

 

 

 

 

A Escolha é o terceiro e último volume da trilogia “A Seleção” da autora Kiera Cass. O que falar de um livro tão aguardado, que deixa uma sensação de vazio após a leitura?

Parte por ter acabado a série, e por outro lado o fato de a autora apostar em deixar "tudo muito bonito" e esquecer-se de desenvolver a história, descrever cenas (muito importantes de guerra e afins) e sai deixando vários buracos na história do desfecho da trilogia.

A Seleção mudou a vida de trinta e cinco meninas para sempre. E agora, chegou a hora de uma ser escolhida.

America nunca sonhou que iria encontrar-se em qualquer lugar perto da coroa ou do coração do Príncipe Maxon.  Mas à medida que a competição se aproxima de seu final, ela percebe que tem coisas mais importantes acontecendo a sua volta do que somente “A Seleção”, e com alguns acontecimentos envolvendo a monarquia, os rebeldes, sua família e as selecionadas pode mudar para sempre a sua vida.

Desde o começo da série “A Seleção”, Kiera Cass deixou bem claro que o foco dos livros era o romance. A distopia era apenas um “plano de fundo” para desenvolver os conflitos e as questões relacionadas a escolha da próxima princesa de Illéa.

Em A Escolha, a autora apostou em desenvolver o caráter dos personagens e o amadurecimento deles. Alguns personagens mudaram MUITO, indicando alguns ”spoilers” logo no começo do livro. Sabe quando um personagem é odiado durante a série inteira, e de repente a autora resolve criar uma espécie de redenção? Já pode esperar que tem coisa ruim no caminho …

America está mais decidida e corajosa em demostrar seus ideias. Maxon continua o mesmo e tenho que admitir que ele me irritou profundamente da metade para o final do livro. Aspen? Bom, esse é um personagem meio que coringa na história, no começo da série (A Seleção) demostrava uma coisa e agora no terceiro livro estava mudado (ok, as pessoas amadurecem), mas achei que faltou um pouco de desenvolvimento e justificativa para alguma de suas ações em A Escolha.

"— Você consegue fazer isso. E vai. Se quer Maxon, precisa ser perfeita. Estou certa de que sabe que nem todos estão a seu favor. (…) E eu precisava ser perfeita. A perfeição era minha única escolha."

Sabe quando falta livro pra tanta história? Não que o livro seja ruim, muito pelo contrário. Foi um bom desfecho para a trilogia, mas acho que a Kiera poderia ter apostado em um quarto livro e desenvolvido mais a história desse, chega uma parte que a autora começa a adicionar vários fatores e deixa sem explicação, criando vários buracos na história.

Digo que estou satisfeito com o livro por estar meio que “traumatizado” com desfechos de trilogias, vide Convergente (da série Divergente) que foi um desastre. Não querendo comparar as duas séries nem nada, mas tive que citar a série de Veronica Roth para completar a resenha.

A diagramação da versão nacional do livro está perfeita, assim como a tradução, a capa e a qualidade em geral da edição da Editora Seguinte.

“A Seleção” vai deixar saudades, espero que a Kiera escreva mais alguns contos ou resolva aparecer com um quarto livro para cumprir essas lacunas deixadas em “A Escolha”, afinal … quem nunca?

Ficou intressado? Garanta o seu exemplar de "A Escolha" pelo link 😉

Resenha escrita por Guilherme Cepeda – Burn Book ©

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Resenha: A Escolha, de Kiera Cass 4


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Resenhas

15 Comments

  1. ♥♥

  2. Concordo, fiquei sentindo falta de mais detalhes da guerra e da descoberta do relacionamento da América com Aspen. Eu esperava mais desses fatos e me pareceu que ela foi jogando na história pra dizer que colocou um desfecho. Apesar de tudo adorei a série, porque pela primeira vez que leio uma trilogia/saga que não gosto da personagem principal no início e ela me conquista depois mesmo que no último livro. Já tô com saudades, acho que vou reler xD

    1. Oi Fernanda,

      Agora ela vai lançar mais livros que se passam no mundo de A Seleção, da pra matar as saudades o

      Obrigado pelo comentário

      Bjs

  3. Foi exatamente isso que eu pensei! Ela saiu atropelando tudo no final, muita informação sem detalhamento. Realmente deixou um vazio, mas no geral a série é muito boa, recomendo!

    1. Oi Ellen,

      Agora ela anunciou que vai estender a série e escrever mais livros e contos, acho desnecessário, mas ok …

      Obrigado pelo comentário

      Bjs

  4. tirou as palavras a minha booca .. too quase fazendo um protesto para Kiera começar a escrever um quarto livroo , estamos precisando

    1. Oi Rayssa,

      Ela já começou (ou quase isso) kkkkkkk

      Obrigado pelo comentário

      Bjs

  5. Eu gostaria de ler sobre eles após o casamente, com está sendo a vida, se tem filhos… 🙁 Alguém sabe dizer se tem o quarto livro?

    1. Oi Mirelly,

      Ela vai escrever mais dois livros e alguns contos que se passam no universo da série 🙂

      Obrigado pelo comentário

      Bjs

  6. Pensei que só eu estivesse traumatiza com desfechos de trilogias, mas pelo visto não kkkk
    Eu concordo com você, “A Escolha” foi um bom livro com desfecho satisfatório, porém faltaram muitos detalhes importantes para explicar como a história se desenvolveu e se encaminhou para aquele final. Além disso, muitas revelações não tiveram a carga emocional e o tempo de desenvolvimento compatíveis com a importância que tinham para a história e para a América. Achei os últimos capítulos corridos e simplórios demais.
    Eu gostei da trilogia, ela é uma fofura, porém fiquei bastante decepcionada (de novo).

    1. Oi Isa,

      SIM! Teve partes que eu voltei umas duas vezes pra ver se eu tinha lido certo, tipo??????

      Mas acontece …

      Obrigado pelo comentário

      Bjs

  7. tomara que lancem o quarto livroo

  8. a queria i quarto livro agora

Leave a reply