Resenha: Insônia, de J.R. Johansson 3
Resenhas

Resenha: Insônia, de J.R. Johansson

Até os sonhos mais sublimes podem despertar os instintos mais sombrios.

Sabe aquele livro que você não espera muito e acaba sendo uma grande surpresa? Foi exatamente o que eu senti quando li o primeiro volume da trilogia de J.R. Johansson. Eu sempre gostei de histórias que explorassem o mundo dos sonhos, mas essa teve algo amais nesse livro. Nunca esse mundo foi explorado de um jeito tão único para mim.

Parker está há quatro anos sem dormir, e ele começa a suspeitar que isso o está matando. Toda noite ele vê os sonhos da última pessoa que ele olhou nos olhos. Quando uma garota misteriosa surge, Parker finalmente encontra a paz que tanto ansiou em seus sonhos. O que ele não poderia esperar que ela trouxesse seu lado mais obscuro átona.

Eu fui capturado página por página. Parker é o tipo de protagonista que você não consegue parar de seguir, a narrativa que a autora criou para ele me trouxe a sensação de mergulhar num rio e de ser arrastado suavemente pela correnteza. Foi tão gostoso. Johansson nos conduziu com perfeição numa trama cheia cheia de mistérios. Esse é o tipo de yound adult thriller que os autores deviam estar fazendo mais. 

Mia é a garota que pode salva-lo e, por algum motivo, atrai seu lado mais sombrio. A garota começa a ficar com medo dele e a ser perseguida em seus sonhos. As partes de Mia com Parker são as melhores. Tem o tipo de dose de terror, afeto e desenvolvimento que eu adoro. O problema é que outra garota está no seu coração. Addie, a irmã de seu melhor amigo, é a garota que ele não consegue tirar da cabeça e é difícil negar a atração dos dois.

As partes dos dois eram as mais chatas para mim. Não acrescentavam nada e fugiam de todo o mistério e respostas que eu estava louco para ter. Se pudesse, tiraria Addie da história e deixava só Parker e Mia.

Mesmo com isso, eu estou louco para mais de Insônia. Esse foi um dos grandes acertos do ano.

007

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Resenha: Insônia, de J.R. Johansson 4


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Resenhas

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.