Resenha: Misery – Louca Obsessão, Stephen King

Até onde você iria pelos personagens que ama?

Misery – Louca Obsessão é mais um grande trabalho de Stephen King, o mestre do terror nos entrega uma obra angustiante e incrivelmente viciante. É muito estranho essa sensação de estar sofrendo, incomodado com o desenrolar dos acontecimentos, mas, ao mesmo tempo, incapaz de não virar as páginas. Se bem que King é esse tipo de autor. Ele te leva por um caminho sem volta de sofrimento e desespero, e você aprecia cada segundo dessa viagem.

Essa viagem é comanda por Paul Sheldon, um escritor de sucesso, que se vê preso nas mãos da sua fã número um. Annie Wilkes parece diferente das mulheres que nosso escritor já encontrou, mas nem a mente criativa de Paul poderia imaginar os segredos e os horrores que aquela ex-enfermeira guarda. E olha que Paul tem uma imaginação muito vívida. Na verdade, é sua imaginação que se torna um porto seguro, o ajudando a aguentar o sofrimento. Não são todos que poderiam desenvolver uma história como essa, em que o desenrolar dos eventos ocorre na cabeça do protagonista e da sua relação com apenas mais um personagem. King explora cada centímetro da profundidade que pode haver nesses dois e o resultado é incrível.



Muitos vão se sentir incomodados com Misery – Louca Obsessão, mas poucos vão deixar essa história de lado.

5




» Siga o Burn Book no Facebook Instagram e no Twitter e receba todas novidades dos livros, filmes e séries! «

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
News: Charlotte Street, do autor Danny Wallace