E se você fosse criado num cemitério cheio de fantasmas?

Cada vez que leio um livro de Neil Gaiman eu entendo porque muitos o consideram o mestre da fantasia. O Livro do Cemitério mostra como Neil pode ser extremamente criativo, nos dando um Mogli – O Menino Lobo só que com fantasmas, assombrações e cemitérios.

É nesse cenário que vemos Ninguém Owens, ou Nin, crescendo no meio de mortos-vivos caricatos, depois que sua família é misteriosamente assassinada por uma figura conhecida apenas como Jack. Com ilustrações incríveis de Dave McKean, Neil nos conta uma história incrível sobre os dilemas de crescer, no meio de uma família bem inusitada, e como temos que deixar certas coisas para trás. 

Esse é o tipo de livro que pode divertir todas as idades, mas isso já é uma característica desse escritor, que possui uma mente que eu gostaria de me aventurar pessoalmente – se isso fosse possível.

Posso dizer que consigo ver O Livro do Cemitério sendo muito lido ao longo dos anos


» Siga o Burn Book no Facebook Instagram e no Twitter e receba todas novidades dos livros, filmes e séries! «
Resenha: O Livro do Cemitério, Neil Gaiman
86%Pontuação geral
Capa 75%
Narrativa 89%
Enredo 95%
Personagens 85%
Votação do leitor 0 Votos
0%

Deixe sua opinião aqui :)

Sem mais artigos