Resenha: Os Deixados para Tras, de Tom Perrotta 6
Resenhas

Resenha: Os Deixados para Tras, de Tom Perrotta

Resenha: Os Deixados para Tras, de Tom Perrotta 7

 

Título: Os Deixados para Trás
Autor: Tom Perrotta
Editora: Intrínseca
Ano da Edição: 2012
Nº de Páginas: 317
Resenha por: Guilherme Cepeda

O dia 14 de Outubro ficaria marcado para sempre. Nesse fatídico dia, várias pessoas simplesmente desapareceram. Em um segundo estavam vivendo normalmente – vendo fotos, assistindo tv, praticando esportes – e no segundo seguinte tinham sumido.
Mesmo aqueles que estavam por perto dos que sumiram não têm muito a dizer. Não há nenhuma explicação definitiva, embora muitos acreditem que tenha sido o Arrebatamento divino. Teoria debatida por outros, já que as pessoas levadas nem sempre eram cidadãos exemplares. Não há uma ligação aparente entre essas pessoas, nem mesmo características que as diferenciem daqueles que ficaram. Entretanto, não há o que fazer. A não ser seguir em frente.

Um dia li uma crítica desse livro, do autor Stephen King que dizia: "Tom Perrotta faz uma pesquisa perturbadora sobre a reação das pessoas comuns a acontecimentos extraordinários e inexplicáveis, o poder da família para ferir e curar e a sutil facilidade com que a fé se transforma em fanatismo. Lido como metáfora para o esfacelamento político e social dos Estados Unidos pós 11 de Setembro, esse livro é um diagnóstico depressivamente preciso."
 
Sabias palavras de Stephen King. Tom Perrotta criou uma atmosfera baseada em um problema real que foi um dos grandes marcos catastróficos do anos 2000. No livro, o autor usa o termo “arrebatamento” que refere-se a um termo religioso, onde conforme descrito nas escrituras, Deus removeria todos os crentes da terra para abrir caminho para seu julgamento justo.
 
O que aconteceria se, de repente milhões de pessoas em todo mundo desaparecessem em um evento inexplicavel? O arrebatamento atingiu todos ao redor do mundo, sem restrição de idade, etnia, religião e etc.

Em “Os Deixados para trás” Tom Perrotta explora o outro lado da história sob a visão das pessoas “remanecentes” na sociedade e as consequências do arrebatemento em suas vidas. O autor fez um trabalho excelente, levando em consideração que imaginou como diferentes tipo de pessoas reagiriam a tal fenômeno, as vezes relacionado à perda de um familiar, de um companheiro ou até de uma familia inteira. Pessoas comuns, que estavam lá em um momento e no outro desapareceram sem deixar vestigios, como se nunca tivessem existido.

Os personagens princpais do livro são pessoas comuns, que sofrem com as consequencias do arrebatamento. O autor utilizou uma forma inusitada de narrativa, contruindo cada capitulo com o ponto de vista de um personagem diferente, que pode incomodar algumas pessoas, mas na minha opinião funcionou muito bem. Tom Perrotta fez um relato fiel de como diversas pessoas reagem a perda.

Algumas pesssoas tentam voltar a levar uma vida normal, outras partem para as drogas ou álcool como uma forma de esquecer os problemas, nem que seja por um curto período de tempo. O autor não se limita em descrever apenas a tristeza e a perda das pessoas, passando a mensagem de que a humanidade tem a capacidade única de sobreviver, e se adaptar as novas circuntancias, onde as regras antes estabelecidas são alteradas e as pessoas podem começar a criar uma nova ordem a partir do caos.

O unico ponto que me incomodou no livro, foi o fato de que Tom Perrotta não explicou muito bem o que originou o “arrebatamento”, deixando os leitores a deriva e colocando a imaginação em prática, criando teorias diferentes para definir um unico acontecimento. O fator humano do livro é muito forte, e acredito que seja esse oseu ponto de sucesso. Seus personagens levam o leitor para dentro de suas vidas, balanceando suas perdas com a vida moderna.

Recomendo “Os Deixados para Trás” para os leitores que buscam uma leitura diferente, com toques de política e religião explicitos na história, decorrente de um evento “sobrenatural”.

O livro possui duas versões de capa, confira:
 
Resenha: Os Deixados para Tras, de Tom Perrotta 8
 

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Resenha: Os Deixados para Tras, de Tom Perrotta 9


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Resenhas

43 Comments

  1. Olá =)
    já vi os filmes se não me engano são três isso foi há muito tempo, gostei mas creio que não terei pique para está lendo, mas quem sabe um dia perincipalmente se ganhar os livros rs rs

    Beliscões carinhosos da Máh-
    Felicidades nos Livros
    @Maaria_Silvana

    My recent post 23 – Divã – Martha Medeiros

      1. Não é a mesma série, o autor escreveu e tem o nome parecido mesmo.

        1. oO"
          Nossa, agora fiquei curiosa para ler!
          My recent post Entrevista com: Lu Piras

  2. Se o King recomendou o livro, com certeza irei ler!
    Esse livro me lembrou um livro do próprio King: Celular. Um evento estranho que aconteceu do nada e sem explicação nenhuma. Já até fiz resenha dele. Se tiver interesse, dê uma lidinha.
    Adorei as capas. Simples mas intrigantes.

    Luiza Helena Vieira
    Obsession Valley http://obsessionvalley.blogspot.com
    My recent post Memes e Selos + Resultado de Promoção

    1. Oi Luiza
      O que me chamou a atenção para esse livro foi o comentário dele, e muito ligado ao livro mesmo, não foi aqueles comentários que tem nas capas de vários livros que você lê e fica WTF?

      Obrigado pelo comentário

      xxx

      – G

  3. Não dava nada pelo livro, mas pela sua resenha acho que daria uma chance… a sinopse me chamou a atenção, mas não tinha ligado tanto. O livro me lembra uma série de livros – que são escritos por autores evangélicos e baseado na Bíblia – Deixados para Trás, quase o mesmo nome, mas que veio primeiro. Mesmo assim, percebo que as duas obras são bem distintas, e acho que vou ler mesmo Os Deixados para Trás. As duas versões de capas são bem legais, e condizem, ao meu ver, com o título. Sua resenha foi bem legal 😀

    Abraços, Joshua
    pensamentosdojoshua.blogspot.com
    My recent post Graça, o mais novo livro de Max Lucado pela Editora Thomas Nelson Brasil!

    1. Oi Joshua
      Leia sim, é interessante mesmo. Eu tenho a azul, com o sapato com salto kkkk

      Obrigado pelo comentário

      – G

  4. Achei estranho esse livro, ao mesmo tempo interessante. Como assim arrebatamento, no sentido de sumir as pessoas ou de Jesus levá-las? kkk Se é que tem religião no meio disso tudo, já pelo lado sobrenatural não poderei esperar algo assim tão leve.
    Eu acredito no Arrebatamento divino, há indícios, segundo minha crença de que as mulheres grávidas ficaram pasmas ao olharem suas barrigas murcharem do nada. Bela resenha Gui, curioso pra ler. rs
    E as capas, dá pra escolher. Demais!

    1. Oi Rafa o/
      É interessante, eu esperava um YA (como não leio sinopses, sempre entendo o livro no dia que eu recebo). Eu não sabia nada sobre arrebatamento, tive que pesquisar e cheguei até em artigos filosóficos pra tentar entender e completar a resenha kkk

      Obrigado pelo comentário

      – G

  5. Parece ser um livro super interessante, acho um recurso válido utilizar vários pontos de vista para contar a história, acho esse tipo de recurso muito enriquecedor para uma narrativa. Além do mais se Mr. Stephen King assinou embaixo eu certamente gostarei de ler.

    1. Oi Cris 🙂
      Sim, foi mais pela crítica dele + capa que eu solicitei o livro pra resenha, tem promo do livro ^^

      Obrigado pelo comentário

      – G

  6. curioso pra ler, pq, eu tenho o "Deixados para trás" e ele é mto bom, queria ver esse aí tambem 😀

    1. Oi Mateus
      Mas acho que não ligação com esse "Deixados para trás".

      Obrigado pelo comentário

      – G

  7. super curiosa para desvendar o "arrebatamento" e todas as suas nuances… livro lido e comentado por Stephen King é livro obrigatório para mim!!

    1. Oi Paty 😀
      Super recomendo esse livro, leia sim \o\ o comentário dele é total ligado ao livro.

      Obrigado pelo comentário

      – G

  8. São duas capas para a mesma história?

    Outra coisa, o livro conta apenas as reações das pessoas que sobraram, ou ele tem uma história melhor que isso? rs Porque se for apenas essa busca, acho que o livro deve ficar muito chato!

    Tipo, qual é a história? Pessoas foram deixadas para trás.. ótimo, mas o que mais? Eles encontram os que sumiram? Tem mais alguma coisa?

    Beijo

    1. Oi Lyn
      Sim Sim, são duas capas para o mesmo livro, acredito que uma seja voltada para o publico feminino e outra pro masculino. Tem uma história melhor que isso, mostra o comportamento humano em suma maioria. Tem, mas ai já conta como spoiler neh kkkk

      Obrigado pelo comentário

      – G

  9. Adoreeeeeei!
    BTW, ótima resenha! Fiquei MORRENDO de vontade de ler!

  10. Muito interessante, despertou minha curiosidade, história envolvente, vale a pena conferir

  11. Eu já tinha me interessado pelo livro, mas depois de ler a sua resenha, fiquei super interessada e curiosa!
    Gostei da opção de ter duas capas diferentes!

  12. Gostei da resenha! Parece ser um livro muito interessante! Pelo fato de mostrar o comportamento humano frente ao desconhecido, sua adaptação, sua aceitação de uma nova realidade…sabe toda essa coisa, sei lá, 'filosófica'? Enfim, é algo que chama minha atenção. Está na minha lista de futuras leituras! 🙂
    Ah, as capas são muito bonitas! haha

  13. Oi Gui,
    Td bem?
    Parece bem criativo o tema da trama discutir a sociedade num cenário apocalíptico… e se King indica quem somos nós para criticar! hauaha. O mais legal é vc poder escolher a capa… as coisas estão mudando no mercado literário graças e DEOS.
    Bjokas

  14. Acho um pouco frustrante não saber o que causou o arrebatamento, mas parece um bom livro!

  15. Muito interessante a estória. Quero muito ler este livro, gostei da capa pink!
    My recent post Mapa do blog

  16. Eu gostei desse livro mas não vi muita divulgação dele. Não sei porque…poucas resenhas… Gostei do enredo do livro, antes só vi a sinopse, mas já tinha gostado também… A capa é bem legal, eu prefiro a azul, mais bonitinha. O livro é bem diferente aliás. Não sei, tem um tema que eu considerei bem louquinho. Bom.

  17. Pela resenha o livro parece ser praticamente a mesma coisa que o filme. Já assisti os três e estou louca pra ler o livro, amei muito os filmes e espero gostar do livro também.
    Irei ler assim que tiver oportunidade.
    Tenho certeza de que quem gostou dos filmes irá gostar do livro também…

  18. A sua resenha me deixou um pouco curiosa sobre o livro.
    Apesar da historia ser um pouco confusa,
    Acho que apenas lendo o livro mesmo posso fazer um
    comentário apropriado.

  19. Eu conheci o livro após ler que ele seria transformado em série e, desse dia em diante, estou louco para compra-lo. Mesmo não tendo a explicação da causa do "arrebatamento" (o que, por outro lado, é bom pois rende debates e polêmica), tenho certeza que é uma história excelente e é um dos livros que está na minha lista e o comprarei na primeira oportunidade.

  20. É, a sinopse e a resenha me animou a ler o livro viu? Achei legal ter duas escolhas de capa. Mas enfim, fiquei curioso pra ler!
    Abs, @pokos_

  21. Esse livro parece ser bem interessante, quero muito ler :]

  22. Gosto muito de histórias que mostram pessoas comuns tentando seguir adiante depois de um evento de grandes proporções que muda a vida de milhares.
    E ainda é o mesmo autor de Pecados Íntimos, ou seja, deve ser muito bom esse livro!
    bjo

  23. Um livro com certeza diferente.
    O que me incomodou e não saber a origem do tal arrebatamento.
    Mas seu contexto deixa muito a imaginar.
    Achei interessante.

  24. Parece muito bom o livro.
    Quero ler… =D

  25. Com esse comentário de King aumentei muito minha expectativa de ler esse livro! Ainda mais que ontem foi 11 de setembro, o que desperta sentimentos profundos nas pessoas… Fiquei curiosa!

    bjs
    My recent post News: Estreia do filme Avalon High, de Meg Cabot no Disney Channel

  26. Livro muito interessante, não só pela história, mas também de poder nos dar um outro ponto de vista. Ótima resenha!

  27. O expressão "deixar pra trás" é tão ampla… sejam eventos naturais ou sobrenaturais, o sofrimento da perda, da falta ou saudade daqueles que ficam jamais será "arrebatado"… (Laura S)

  28. Já ouvir falar do filme, mas não sei se é baseado no livro, as 2 capas fazem um contraste: azul com sapatos femininos, e rosa com sapatos masculinos. Gostei da sua resenha, parece ser um livro instigante, ainda mais q envolve religião e política. Gostaria de ler até pra poder tirar minhas próprias conclusões, pq pelo q vc postou e alguns comentaram não fala o "pq" do arrebatamento.

  29. Sinceramente, não gostei muito da história. Sei lá, achei estranha demais. Mas se tivesse oportunidade, leria, pois gosto de ler de tudo, e pode ser que ele me surpreenda positivamente.

    @_Dom_Dom

  30. logo de cara achei o livro muito estranho e sem noção, e, pra falar a verdade, achei que a capa também não tinha ficado muito legal. mas depois de ler algumas resenhas sobre ele acabei me interessando. @aleecarneiro

  31. Nossa.. Amei a resenha…
    Fiquei com muito mais vontade de ler..
    Eu quero…

  32. Quero ler esse livro, ótima resenha 😀

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.