Resenha: Sete Minutos Depois da Meia-Noite, Patrick Ness 4
Resenhas

Resenha: Sete Minutos Depois da Meia-Noite, Patrick Ness

Uma fantasia ao estilo Neil Gaiman

Sete Minutos Depois da Meia-Noite é o livro que deu origem ao filme que emocionou muitos do autor Patrick Ness, inspirado numa ideia da falecida Siobhan Dowd, sobre um garoto que recebe a visita de um mostro ao mesmo tempo que sua mãe enfrenta uma doença terminal.

Se você só viu o filme de J. A. Bayona na Netflix, eu peço que dê uma chance ao livro. Ele com certeza é uma das histórias mais tocantes e sombrias que já li, com uma narrativa envolvente e realista que deixaria Neil Gaiman muito orgulhoso.

Patrick tem todo o cuidado para desenvolver a raiva e o medo de Connor, nosso protagonista, e o modo como ele vai aprendendo a lidar com seus demônios internos a medida que o monstro vai lhe contando histórias sobre sua vida. Ele não é bem o monstro que Connor esperava, mas era o que ele precisava para lidar com o peso da vida

O livro pode ter protagonista jovens, mas ele é tudo menos infantil. Sete Minutos Depois da Meia-Noite é uma fábula adulta, uma fantasia incrível, que nos ensina a lidar com raiva, medo e solidão. Eu nunca tinha lido uma obra de Patrick. Agora quero devorar seus próximos livros. 

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Resenha: Sete Minutos Depois da Meia-Noite, Patrick Ness 5







Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Resenhas

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.