Resenha: Trilogia O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares, Ransom Riggs 3
Resenhas

Resenha: Trilogia O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares, Ransom Riggs

O mundo peculiar que adoramos ter conhecido.

São poucos os autores que conseguem criar aquele mundo fantástico tão real e diferente, que nos faz querer fazer dele a cada página. J.K Rowling é uma delas. Rick RiordanSuzanne Collins também fazem parte, e me atrevo a dizer que Ransom Riggs entrou para a categoria dos grandes autores do mundo Young Adult.

O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares é a primeira parte da jornada de Jacob Portman atrás das crianças peculiares que seu avô tanto falava. O que ele sempre foi acreditado a pensar que eram apenas contos de fada, se tornou algo mais real do que a própria realidade

Ransom conseguiu criar uma atmosfera bem sombria e gostosa de se acompanhar. Seu mundo peculiar tem um tom bem gótico que fãs de Desventuras em Série ou Dezesseis Luas podem se divertir, embora, diferentemente da história de Ethan Wate, o romance não é o foco central. Jacob acaba vivendo grandes aventuras ao lado de uma garota que captura seu olhar, mas o autor prefere nos levar pelos mistérios que guardam esse universo nos seus três livros do que pelo romance.

Hollow CityLibrary of Souls continuam o bom trabalho de Ransom, a cada livro descobrimos um pouco mais dos grandes inimigos dos peculiares em diferentes momentos do passado, já que nossos heróis se escondem através do tempo. Tudo isso acompanhado de uma série de fotografias macabras que ajudam a trazer um realismo a história. As fotografias são uma das melhores partes do trabalho do autor, cada uma única e perfeita para essa atmosfera. É bem difícil acreditar que não foi a mesma pessoa que tirou todas.

hugo

Tive poucos problemas com essa trilogia. O final podia ter sido diferente e Jacob ás vezes agia mais como alguém que apenas narrava os acontecimentos do que como verdadeiro herói da história, foi mais no terceiro que vimos o garoto virar um homem e seus poderes crescerem, mas eu me diverti muito. Emma, Bronwyn, Fiona, Enoch, Millard, Horace, Jacob e tantos outros. Foram jovens que eu gostei de ter conhecido.

Agora é só torcer para que Tim Burton nos entregue um filme digno em dezembro desse ano.

peregrins-headerv4-front-main-stage

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Resenha: Trilogia O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares, Ransom Riggs 4







Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Resenhas

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.