O fim está próximo e os Mogadorianos nunca pareceram tão poderosos.

A Vingança dos Sete é o quinto livro da série Os Legados de Lorien e chegou com tudo para ajudar a expandir a mitologia do mundo dos lorianos e mostrar o grande poder que Setrákus Ra possui. Eu fico muito feliz em ver como essa série evoluiu muito desde Eu Sou o número 4Pittacus Lore (pseudônimo de James Frey e Jobie Hughes) realmente melhorou muito em termo de construção de narrativa e história, criando um mundo imperdível para jovens leitores fãs de ficção cientifica e ação.

Dessa vez a história nos leva através do ponto de vista de John, Ella e Seis. A mais jovem membro da Garde me surpreendeu bastante na sua narrativa. Não achei que ia gostar tanto de vê-la contando a história, mas eu simplesmente adorei. Ela se mostra cada vez menos uma donzela em perigo e mais uma garota de língua bem afiada.

A narrativa de Ella e adição de Adam a equipe foram os novos elementos que mais gostei da história. Agora que estamos chegando ao fim as pontas soltas começam a se juntar e o garoto me fez pensar muito no futuro dos Morgadorianos e se alguns ainda podem ser salvos, afinal um deles não ganharia um Legado se não o merecesse, não é?

O poder de Lorien também fica mais claro e o final com certeza me fez querer muito por minhas mãos no próximo. Com a série crescendo tanto minha vontade de vê-la sendo adaptada pelo Netflix só aumenta.

Resenha: A Vingança dos Sete, Pittacus Lore
80%Pontuação geral
Capa75%
Enredo 85%
Narrativa 80%
Personagens 80%
Votação do leitor 2 Votos
75%

Deixe sua opinião aqui :)