ARROW 03X08: The Brave and the Bold | Crítica da Série 15
Sem categoriaSéries e Tv

ARROW 03X08: The Brave and the Bold | Crítica da Série

Eles não podiam ter nos deixado apenas com aquela luta épica, agora Oliver e Barry vão se unir de verdade.

Aposto que não fui o único que ficou sem folego com o episódio de ontem à noite. Nunca esperaria uma luta tão fantástica e perfeita como a que ocorreu entre os dois, e isso ajudou a marcar o episódio como um dos melhores crossovers da TV. Espero que tenham muitos desses.

Mas como o último ficou mais voltado para a luta entre os dois, esse realmente focou em Oliver e Barry se unindo para enfrentar um vilão. Digger Harkness, o homem por trás do bumerangue que levou Oliver e sua equipe para Central City no episódio passado. Agora ele retorna atrás do Argus.

Para quem não sabe, o personagem se chama Capitão Bumerangue e é um vilão clássico do Flash, talvez um dos motivos dos escritores terem o escolhido para esse segundo crossover. Digger está em Starling City por uma razão, encontrar a mulher que quase o matou quando ele era membro do Esquadrão Suicida…e como ninguém em Arrow tem sorte, essa mulher é a Lyla.

Gostei muito de seu arco envolver esse time de vilões, já que nos quadrinhos ele é um membro importante da equipe. Lyla quase perdeu a vida e Diggle teve que aprender a lidar com o modo diferente como sua mulher vê a vida, o que acabou sendo muito similar a Oliver.

Será que precisamos agir como bandidos para acabar com homens extremamente perigosos? Num flashback de Hong Kong, Oliver não fez isso e muitos morreram. O episódio soube lidar com esse lado sombrios de Oliver, tão diferente de Barry, e mostrar um pouco o que realmente um herói é.

Claro que o time Flash visitando a base secreta de Oliver, foi o que realmente me fez bater palmas, principalmente Cisco falando como o uniforme do Roy era mais legal e como ele e Oliver formam um tipo de uma liga (será que estou sentindo um liga da justiça por ai =D ).

Infelizmente, o crossover não foi tão bom quanto o anterior. Não que tenha sido ruim, mas o outro foi tão épico e fodastico que mesmo um episódio foda teria passado batido. Mas eu mantenho o que eu digo, precisamos de mais crossovers entre esses dois. Arrow e Flash formam a dupla perfeita, ainda mais no final com os dois finalmente querendo decidir na marra quem venceria. Quando o Barry correu em direção ao Oliver e o episódio terminou num raio, fiquei que nem uma criança sorridente. 🙂

É isso ai pessoal, semana que vêm teremos as midseason finale dos dois shows e agora veremos nossos heróis enfrentando seus inimigos mais perigosos.  Ra’s al Ghul e o homem na roupa amarela estão chegando.

Confira a promo de Arrow 3×09 “The Climb”:

[[youtube http://www.youtube.com/watch?v=MQP3GRtfDOU]]

Confira a promo de The Flash 1×09 “The Man in the Yellow Suit”:

[[youtube http://www.youtube.com/watch?v=6cM55Q7HOY8]]

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


ARROW 03X08: The Brave and the Bold | Crítica da Série 16


O que você achou desse Post?

LOL
0
GOSTEI
0
AMEI
0
CONFUSO
0
Engraçado
0
Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Sem categoria

Leave a reply