Burn Cine: Depois da Terra 16

Burn Cine: Depois da Terra


Olá leitores e amigos do Burn Book. Aqui iremos nos encontrar toda semana para falar sobre um filme. Estaremos noticiando sobre dicas de filmes, estreias, opiniões e muito mais. Esperamos que curtam essa coluna e que participem. Vamos buscar o melhor do entretenimento para vocês.

Crítica por Danny Resende



Então vamos nessa, prepare sua pipoca, seja ela de milho ou arroz (no meu caso ) e vamos nos aventurar, nos emocionar e aprender com esse mundo magnifico e magico que é o cinema. Sejam todos bem vindos.

Burn Cine: Depois da Terra 17

Sinopse:

Há 1000 anos, um cataclismo tornou a Terra um lugar hostil e forçou os humanos a se abrigarem no planeta “Nova Prime”, morando em naves espaciais. Depois de uma missão, o general Cypher Raige (Will Smith) retorna à sua família e ao filho de treze anos de idade (Jaden Smith). Mas pouco tempo após seu retorno, uma chuva de asteroides faz com que a nave onde moram caia na Terra. Com o pai correndo risco de morte, o jovem adolescente deverá aprender sozinho a domar este planeta, e conseguir resgata-los da terra. 

Opinião: 

Depois da Terra, aborda um tema até então ausente das novas produções, “O medo”. É uma ficção-científica, e o resultado como era de se esperar, não apresenta nada de original, o que não necessariamente deve ser visto como um filme interessante e de uma grande produção. A qual apresenta o filho de Will Smith como o personagem principal e que tem toda pompa para substituir seu pai em grandes produções. Apesar de que notamos que em algumas cenas ele deixou a desejar. O mais interessante na estória é quando vemos como os humanos enfrentam a ameaça das “Ursas”, uma raça alienígena capaz de “farejar o medo”. Para combatê-los, o exército treina os soldados para serem “fantasmas”, pessoas incapazes de sentir medo e que, com isso, se tornam invisíveis ao inimigo.

Mas o tema “MEDO” algo que já havia sido (melhor) trabalhado em A Vila (2004). Por mais que não seja o melhor trabalho de M. Night Shyamalan, (o Diretor). Depois da Terra tem sim suas qualidades – percebemos que o tema abordado nos incentiva a acreditar que nosso pensamento controla o nosso melhor eu e que somos capazes de enfrentar qualquer coisa. A estória é interessante e o diretor deveria ter aproveitado muito e transformar o filme de ação cientifica bem mais empolgante, e não dá pra entender por qual motivo ele não o fez. São poucos os que gostam de ficção-cientifica, e é um tema que devemos analisar bem o objetivo cinematográfico, que não é apenas abordar a estória, e sim mostrar o que o mundo cinematográfico é capaz, e nessa temática o filme não deixou a desejar, estão de parabéns por toda produção e inovação. 

Não foi um filme que agradou a muitos e que na verdade todos esperavam mais por ser mais um filme estrelado por Will Smith protagonista de filmes de ação de grandes sucesso, mas vale a pena conferir pela produção, fotografia e a temática. Então, nos encontramos por aqui depois, aguardo a opinião de vocês. 
 
Confira o Trailer do filme:


Burn Cine: Depois da Terra 18

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
Burn Cine: Depois da Terra 28
‘Estou completamente apaixonado’, diz John Green sobre o Brasil