Especial: Marcelinho lendo “Cinquenta Tons de Cinza”. 5
Sem categoria

Especial: Marcelinho lendo “Cinquenta Tons de Cinza”.

Sucesso absoluto nas prateleiras da “literatura adulta”, “Cinquenta Tons de Cinza” tem colecionado amores e ódios, tanto pelos detalhados relatos de sexo quanto por seus clichês. O primeiro volume da apimentada trilogia sobre a relação entre a recatada estudante Anastasia Steele e o jovem bilionário Christian Grey é um fenômeno de vendas: foram mais de 100 mil unidades em apenas uma semana.

Especial: Marcelinho lendo “Cinquenta Tons de Cinza”. 6
 

Para entender o sucesso dos livros, o primeiro deles lançado neste mês no Brasil com tiragem de 200 mil exemplares, o UOL convidou outro atual fenômeno do “universo sensual” para ler –e interpretar– um trecho da obra: Marcelinho, o fantoche que lê contos eróticos na internet. Sucesso na web desde o final de fevereiro, quando veio ao mundo, os vídeos de Marcelinho já registram mais de 15 milhões de visualizações.

Dublado por Erik Gustavo, criador do fantoche e integrante da produtora Alta Cúpula, Marcelinho e sua voz infantil –afinal, ele tem só 12 anos no mundo dos bonecos–, debocham dos contos, desde os enredos até os erros de português ao longo dos textos. E toda narrativa vem direto da internet, nada é escrito por Erik. Nem por Marcelinho. Assim, nada mais justo do que deixar o fantoche penetrar no mundo de fantasias de “Cinquenta Tons de Cinza”.

 
Mariana Tramontina, na UOL

 

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Especial: Marcelinho lendo “Cinquenta Tons de Cinza”. 7


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Sem categoria

6 Comments

  1. Eu querooo mtoo!!!

  2. nha o video foi excluido 🙁 fora isso … comprei meu livro hoje !

  3. Nossa fiquei curiosa pra conferir esta série. Eu tinha visto a capa no site da Intríseca, mas nem li a sinopse. Agora, com todas esas informações vou dar uma segunda analisada, pra decidir se compro ou não o livro.
    Queria ver o vídeo também, mas ele foi removido..o.O
    Bjão Gui.

  4. Oii!

    Que coisa!
    Não sei se compro, estou in choque.
    Selene Blanchard
    Bacio,Moda & eu

  5. Desde que vi, pela primeira vez, as capas da série eu fiquei curiosa sobre ela e, adicionei, imediatamente, à minha estante do Skoob, sem nem saber exatamente sobre o que era. Saber que era uma literatura adulta e erótica só me chamou, ainda mais a atenção. Afinal, é algo um pouco mais diferente do que estou acostumada a ler! rs
    My recent post Me apaixonei por você

  6. Esta série ta sendo desejada e dando no que falar rsrsrs.Como não é o tipo de livro que costumo ler,estou bem curiosa!!!

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.