Jogos Vorazes: Em Chamas | Burn Cine

Olá leitores e amigos do Burn Book. Aqui iremos nos encontrar toda semana para falar sobre um filme. Estaremos noticiando sobre dicas de filmes, estreias, opiniões e muito mais. Esperamos que curtam essa coluna e que participem. Vamos buscar o melhor do entretenimento para vocês.

Então vamos nessa, prepare sua pipoca, seja ela de milho ou arroz (no meu caso ) e vamos nos aventurar, nos emocionar e aprender com esse mundo magnifico e magico que é o cinema. Sejam todos bem vindos.




timthumb

Crítica por Danny Resende

Sinopse:

Este é o segundo volume da trilogia Jogos Vorazes, baseada nos romances de Suzanne Collins. A saga relata a aventura de Katniss (Jennifer Lawrence), jovem escolhida para participar aos "jogos vorazes", espécie de reality show em que um adolescente de cada distrito de Panem, considerado como "tributo", deve lutar com os demais até que apenas um saia vivo. Neste segundo episódio da série, após a afronta de Katniss à organização dos jogos, ela deverá enfrentar a forte represália do governo local, lutando não apenas por sua vida, mas por toda a população de Panem.

Opinião:

O primeiro filme foi bem fiel ao livro. E o segundo não é diferente.  Mas sempre em adaptações é claro que sempre há umas modificações e algumas coisas e personagens cortados, e quando não fere a essência da estória, entendemos muito bem.

A verdade é que quem gostou de jogos vorazes vai Amar Em chamas.  Há mais ação, momentos de reflexão, dúvida, e a autora tem uma pegada que vai mexer com a sociedade.

hunger-games-catching-fire-finnick-tribute-banner

O filme nos leva a muita descoberta e algumas surpresas junto com a protagonista Katniss.  O figurino é lindo, a fotografia e alguns efeitos especiais perfeitos, tudo como imaginamos quando lemos os livros.  São diversos os momentos em que paramos para observar a beleza do local, seja na floresta ao lado do distrito em que todos lutam para sobreviver, seja nos jogos em que o objetivo é matar a pessoa ao seu lado. Mais uma vez vemos os distritos como ambientes cinzentos, enquanto que a Capital é o lugar das cores e dos fogos de artifício. No entanto, através da fotografia, o filme dá dicas de que a situações está para mudar, como destacar o pôr do sol no distrito ou trazer os protagonistas sempre em tons sóbrios quando em meio às festas da Capital. Neste sentido, também é interessante notar a importância do fogo, que ao mesmo tempo em que ascendem as esperanças de uns, queima a situação privilegiada de outros.

hunger-games-2-banner

O segundo longa é muito mais do que "X pessoas em uma arena tentando se matar". E investe pesado na história política e na construção de um clima para a iminente revolução. Há cenas em que nos fazem segurar firmes na poltrona e preparar o coração para sua conclusão, pois o filme é perfeitamente o retrato do que nós que lemos os livros imaginamos.

A trilha sonora desta continuação é bem mais interessante que a anterior, e  cumpre sua função de dar ritmo ao filme e conduzir algumas situações, mas sem querer roubar a cena. Quem assistir aos créditos finais ainda poderá conferir a bela canção "Atlas", da banda Coldplay. Lindaaaaaa <3  Então corra ao cinema mais próximo para viver cada emoção e volte aqui para nos contar o que achou.

Leia Mais
Em Ritmo de Fuga 2 | Filme vai apresentar novos personagens, diz diretor