Resenha: Lugares escuros, de Gillian flynn 16

Resenha: Lugares escuros, de Gillian flynn


O acusado do crime foi seu irmão mais velho, que acabou condenado à prisão perpétua.

Desde aquele dia, Libby passou a viver sem rumo. Uma vida paralisada no tempo, sem amigos, família ou trabalho. Mas, vinte e quatro anos depois, quando é procurada por um grupo de pessoas convencidas da inocência de seu irmão, Libby começa a se fazer as perguntas que até então nunca ousara formular. Será que a voz que ouviu naquela noite era mesmo a do irmão? Ben era considerado um desajustado na pequena cidade em que viviam, mas ele seria mesmo capaz de matar? Existiria algum segredo por trás daqueles assassinatos?



Gillian Flynn intercala a trajetória detetivesca de Libby com flashbacks dos acontecimentos do dia dos crimes com tanta habilidade que o leitor é levado a diferentes direções. Escrito com primor, Lugares escuros não só mostra como a memória é passível de falhas, mas também evidencia as mentiras que uma criança pode contar a si mesma para superar um trauma.

“Gillian Flynn é perfeita. Afiada, ácida, uma contadora de histórias convincente com talento especial para o macabro.”Stephen King

No mesmo estilo narrativo de Garota exemplar, Gillian Flynn te deixa desesperado, indeciso e com uma relação de amor e ódio entre os personagens. Ela intercala a história em três pontos de vista. Libby, a protagonista, e a única da família que restou. Sua mãe Patty, antes do massacre. E, finalmente, Ben, o assassino brutal e, também seu irmão. A cada capítulo escrito, eu ficava com raiva de um deles, assim como sentia muita dó.

Você sente a dor de cada um deles, seus pensamentos mais obscuros e raivosos. Libby tentou seguir sua vida, tentou esquecer. Mas como, depois que ela perdeu toda a sua família? Mas dúvidas e memórias esquecidas são ativadas, quando um apaixonado e louco por crimes bizarros entra em contato com ela, mostrando provas que ela sequer tinha conhecimento.

Obviamente que não irei contar o final, mas deixo a dúvida, será que foi Ben o responsável pelo massacre?

AviUkgKXfJEi5UywZQ2LXMLnEJ3FtuOAyOQ8fwzJFUXj

Confiram a página que a Intrínseca criou para o livro. Lá vocês poderão ler o primeiro capítulo. Acesse aqui.

Ah, e para quem ainda não sabe, “Lugares escuros” virou filme, assistam ao trailer:

 

Capa
50
Narrativa
100
Desenvolvimento
100
Diagramação
80
Nota dos Leitores:3 Votes
100
83


Resenha: Lugares escuros, de Gillian flynn 17

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
Resenha: Lugares escuros, de Gillian flynn 27
Starbucks: Frappuccino de ‘Cerveja Amanteigada’ chega finalmente ao Brasil