Veja a evolução dos dinossauros no cinema em 100 anos

Em 100 anos, os bichos do passado se tornaram maiores e muito, muito mais assustadores no cinema. As técnicas para criá-los também ficaram mais complexas; das marionetes às CGI (imagens geradas por computador), passando por animatrônica e stop motion.

O primeiro Jurassic Park, de 1993, é considerado um divisor de águas nessa evolução. Stan Winston criou para o filme dinossauros com bonecos mecanizados e Phil Tippett foi o responsável pelos efeitos, criando a variação mais sofisticada do stop motion. Na época, o longa apresentou ao público o que havia de mais avançado nas pesquisas sobre o assunto dos anos 1980.


Vai assistir Jurassic World nesse final de semana? Então veja a evolução dos dinossauros no cinema em 100 anos.

Dirigido por Colin Trevorrow e produzido por Steven Spielberg, Jurassic World conta a história de um novo parque. Enquanto o ex-militar Owen Grady (Chris Pratt) conduz uma pesquisa comportamental com os Velociraptors, a gerente de operações do lugar, Claire Dearing (Bryce Dallas Howard) anuncia a criação de uma perigosa nova espécie de dinossauro mais inteligente que os demais.

tumblr_nnhkqmmQmb1tzjz2jo5_540via Folha

 

Leia Mais
Confira uma cena exclusiva de Shere Khan (tigre) na versão live-action de Mogli – O Menino Lobo