5 motivos para assistir "Cursed - A Lenda do Lago", nova série da Netflix 21
Séries e TvLink na BioNetflix

5 motivos para assistir “Cursed – A Lenda do Lago”, nova série da Netflix

A nova aposta da Netflix é uma série baseada no mito do Rei Artur, que já foi abordado de diversas maneiras, as vezes levando a trama ao esgotamento, mas em “Cursed – A Lenda do Lago”, temos “uma nova versão da fábula”, desta vez contada a partir do ponto de vista de uma personagem menos conhecida.

Burn Book teve acesso aos primeiros episódios da série, e separamos uma lista com 5 motivos para você assistir “Cursed” (SEM SPOILERS).

Dividida em dez episódios, a trama traz como protagonista Nimue, a Dama do Lago, que na lenda original é uma fada responsável por proteger e entregar a espada mágica Excalibur para Artur. A personagem é interpretada pela atriz australiana Katherine Langford, que interpretou a adolescente Hannah Baker em “13 Reasons Why”.

5 motivos para assistir "Cursed - A Lenda do Lago", nova série da Netflix 22

1) Uma série para órfãos de “Game of Thrones “

Apesar de ser voltada para um público mais jovem, Cursed – A Lenda do Lago chega para se juntar a outras produções ambientadas na Idade Média, como “Game Of Thrones”, “Vikings” e “The Witcher”. A série é marcada por cenas de aventura, ação, fantasia, e efeitos especiais para situar o expectador em um universo que lembra bastante Game of Thrones e Vikings.

5 motivos para assistir "Cursed - A Lenda do Lago", nova série da Netflix 23

2) A série adapta o romance ilustrado de Tom Wheeler e Frank Miller

O seriado é baseado em um livro homônimo, escrito por Tom Wheeler e com ilustrações do renomado quadrinista Frank Miller. A passagem de uma cena para outra é feita através de animações, que carregam o traço do cultuado desenhista, além do fato de ser uma releitura moderna de um clássico.

5 motivos para assistir "Cursed - A Lenda do Lago", nova série da Netflix 24

3) Elenco diverso

Assim como produções recentes como Hamilton (Disney+), a série coloca mulheres, negros e pessoas com diferentes orientações sexuais em papéis de destaque, mostrando cada vez mais uma preocupação de estar alinhado com um público que exige se sentir cada vez mais representado na tela.

Em entrevista Miller, enfatizou que o sucesso de obras que abordam o período medieval dizem muito sobre o estado do mundo contemporâneo.

“Pense nas coisas que estão atormentando as pessoas agora: elas estão preocupadas com a civilização e (a Idade Média) é o nascimento da civilização. Nós ouvimos falar de vírus e o mundo estava morrendo por uma praga naquela época; as pessoas estavam lutando guerras o tempo todo, não havia paz. E também temos (na história) elementos que sempre são importantes para as pessoas, como romance e (a dicotomia entre) o bem e o mal”, afirmou Miller.

5 motivos para assistir "Cursed - A Lenda do Lago", nova série da Netflix 25

4) A série usa fantasia para debater questões atuais

Além da diversidade, outro grande trunfo do seriado é abordar, em meio àquela mitologia, temas importantes para a atualidade. A série coloca temas como perseguição às minorias, intolerância religiosa e destruição da natureza em pauta.

5 motivos para assistir "Cursed - A Lenda do Lago", nova série da Netflix 26

5) Site para explorar o mundo da série

O site Descubra Cursed proporciona uma experiência imersiva para que o usuário acesse conteúdos exclusivos, bate-papo com o elenco e o shorunner Tom Wheeler. Além disso, a plataforma traz vídeos com o criador da obra, Frank Miller, detalhes sobre os personagens e suas ligações com a lenda do Rei Arthur.

Com 10 episódios, a série conta com Daniel Sharman, Shalom Brune-Franklin, Emily Coates e Billy Jenkins no elenco.

 

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


5 motivos para assistir "Cursed - A Lenda do Lago", nova série da Netflix 27


O que você achou desse Post?

LOL
0
GOSTEI
0
AMEI
0
CONFUSO
0
Engraçado
0
Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Séries e Tv

Leave a reply