Arrow S03x12: Uprising| Crítica da Série

Apenas o estudante pode derrotar o mestre.

Essa talvez tenha sido a frase que mais marcou esse episódio, desde a decisão de Oliver de voltar a Starling City até sua decisão final no episódio. Quem viu o episódio sabe bem do que eu estou falando. Acho que já esperávamos uma cosia assim acontecer, mas ter que esperar por isso enquanto todos iam para as ruas lutar foi tão agonizante.

Esse episódio foi um dos melhores. Agora sem a polícia no Glades, Roy e o resto da equipe estão praticamente sozinhos contra  Brick e sua gangue – que está cada vez mais poderosa. Eles não sabem o que fazer, e ninguém parece que vai surgir para ajuda-los, ou melhor dizendo, ninguém que eles realmente querem ajuda.




Quando Merlyn descobre que foi Brick que matou sua esposa, o time Arrow ganhou um aliado poderoso. Claro que não seria fácil se unir a Merlyn, seria como fazer um trato com o Diabo, e Felicity ainda guarda magoas muito profundas dele. O time inteiro acabou declinando sua ajuda, o que para mim foi uma idiotice. Merlyn era o único que podia salvar o Glades, ou será que não? Se ninguém surgiria para ajuda-los, o povo do Glades ajudaria a si mesmos.

Liderados pelo time Arrow, os capangas de Brick e o povo do Glades se enfrentaram numa batalha de tirar o folego que terminou com Oliver surgindo e dizendo que ele nunca mais irá embora. Foi bom ver todos do Glades se unindo, eles vão precisar disso com  Ra’s al Ghul chegando. Oliver terá que aprender com Merlyn como lutar como um membro da Liga dos Assassinos se quiser ter alguma chance de derrota-lo. Claro que isso causou uma briga entre ele e a Felicity, mas para mim isso foi mais uma desculpa dos roteiristas para não deixar os dois juntos.

Claro que nem tudo foi incrível. Vocês lembram que eu reclamei do Diggle ficar observando na base do time enquanto a Laruel e o Roy entram em ação? Bom, estou cansado disso. A Felicity já voltou cara, trate de voltar a ação. Também teve Ted Grant sendo derrotado pelo Brick tão facilmente. Tipo, nos quadrinhos ele treinou quase todos os membros da Liga da Justiça da América em combate corpo a corpo. Ele é bom demais para cair tão facilmente.

Mas só foram poucas coisas que eu não gostei. Os flashbacks de Merlyn foram ótimos e o fato dele não matar Brick o colocou num caminho que quero ver mais. Ele é meio que um Bruce Wayne malvado.

Confira a promo de Arrow 3×13 “Canaries”:

[[youtube http://www.youtube.com/watch?v=0nEVVB5T_dU]]

Leia Mais
The OA deve ganhar mais 4 temporadas!