Arrow S03x22: This Is Your Sword | Crítica da Série 3
Séries e Tv

Arrow S03x22: This Is Your Sword | Crítica da Série

Todos eles precisam juntar força para impedir  Ra’s al Ghul, mas será que isso será suficiente?

Antes de continuar preciso admitir que esperava mais desse episódio. Sei que muitos estão um pouco decepcionados com essa terceira temporada, eu mesmo confesso que nada até agora superou a segunda, no entanto, esses últimos episódios conseguiram trazer uma tensão que estávamos tanto esperando. Pena que esse não conseguiu.

Nós começamos descobrindo que Maseo usou o vírus para conseguir entrar na Liga dos Assassinos. Oliver se mostra muito surpreso naquela hora e naquele instante dá para ver que ele estava fingindo o tempo todo. Tudo não passou de um plano dele e de Merlyn para se infiltrarem na Liga e acabar com ela por dentro.  Infelizmente, o plano de Ras acabou ocorrendo mais cedo do que qualquer um esperava. Eles precisavam de ajuda para impedi-lo, e só podiam confiar num grupo.

Sem Oliver em Starling City, Diggle e os outros estão fazendo de tudo para mante-la segura. Ainda é muito difícil para eles aceitar o que aconteceu, especialmente para Diggle. Ele foi praticamente esfaqueado nas costas por seu melhor amigo. A pessoa que ele mais confiava no mundo. Não importava que tudo fosse um jogo de Oliver, ele estava furioso. Todos estavam. Eu também ficaria, mas havia coisas mais importantes em jogo.

Merlyn os guiou para  para impedir o Alfa e Omega de destruir a cidade, o que seguiu numa grande luta entre nossos heróis e os membros da Liga dos Assassinos. Essas lutas estão começando a me incomodar. Antes eu até comprava quando Oliver estava com eles, mas foram tantos membros contra nosso grupo e mesmo assim eles saíram vitoriosos. Os produtores tem que parar de desmerecer tanto a Liga. A única coisa boa foi a luta de Katana e Maseo e mesmo assim suas roupas eram mais de cosplay.

Mas tudo bem, tivemos uma cena foda demais em que Ray destrói o jato que estava levando os vírus. Os efeitos foram incríveis e se tivermos muito disso em sua nova série, eu estou dentro.

No fim, tudo não passou de um plano de Ras, que revelou que as armas nunca estiveram lá. Oliver teve que fingir que ainda era o fantoche de seu mestre enquanto levava seus amigos para a morte. A cena do vírus os consumindo enquanto ele casava com Nyssa, me fez despertar para o episódio. O problema de verdade foi que os últimos episódios foram tão tensos que a falta de pegada nesse atrapalhou muito o desenrolar da história. Se eles tivessem mantido mais a tensão como fizeram no último, tudo ficaria melhor.

E nem me faça começar a falar com o Roy falando que vermelho é a cor da Thea. Não cara, é a sua.

Os flashbacks como sempre foram ótimos e o os minutos finais conseguiram me conquistar. Acho que teremos uma boa season finale, dependendo de como Oliver consiga enfrentar Ras no final.

Confira a promo de Arrow 3×23 “My Name Is Oliver Queen”: 

[[youtube http://www.youtube.com/watch?v=Ozg5UtJ3cjE]]

*Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Arrow S03x22: This Is Your Sword | Crítica da Série 4







Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Séries e Tv

Leave a reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.