Arrow S04x06: Lost Souls | Crítica da Série 3
Séries e Tv

Arrow S04x06: Lost Souls | Crítica da Série

A busca por Ray Palmer começa, mas procura pode te levar direto ao inimigo.

Depois de uma épica participação de John Constantine (Matt Ryan), nossos heróis vão ao encontro de um outro herói. Foi bom ver a série começando a se aproximar mais dos quadrinhos, com Ray descobrindo uma maneira de se encolher. Esse é o verdadeiro poder do personagem. Eu gostei o que os produtores fizeram com ele na série, mas acho que desse modo eles podem agradar a todos, e os efeitos especiais ficaram muito bons. Eu fiquei impressionado com o mini Ray e mais ainda com o gigantesco Damien Darhk ao seu lado. 

IMG_0428

Mas a medida que o time Arrow ia atrás do herói perdido, eu começava a ver os mesmos problemas de antes. São muitos mascarados, está cada vez mais difícil para os produtores equilibrarem o foco. Era melhor antes, quando só tínhamos um ou dois e já sabíamos onde estaria nossa atenção. Com quase todo o elenco usando uma máscara, fica pouco espaço de tela para se dividir e ás vezes esquecemos quem é o protagonista.

Infelizmente, esse não foi o único problema. Tivemos a visita da mãe de Felicity e, embora eu adore a personagem, isso trouxe um drama desnecessário entre a nossa loirinha e Oliver. Achei que os produtores tivessem aprendido a deixar o drama entre os dois de lado. A atmosfera da temporada está ótima e espero que eles continuem mantendo-a ao invés de focar em brigas desnecessárias.

Ao todo o episódio foi bom. Tivemos boas cenas de ação e um ótimo confronto entre o Arqueiro Verde e Damian. Pelo visto, Darhk não vai usar apenas magia para atacar a cidade.

arrow-arrow-2015-new-york-comic

Ainda tivemos um deixa de Sarah, que logo se juntará a série da CW DC’s Legends of Tomorrow. Quando ela falou que ia para Central City, onde o resto da equipe está, eu já poida vê-lá se juntando ao resto. 

Antes de terminar tenho que comentar de Lance com a mãe de Felicity. Aquilo foi mesmo memorável

Confira o promo de Arrow 4×07 “Brotherhood”: 

 [[youtube https://www.youtube.com/watch?v=3oeQzoBuJZQ]]

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


Arrow S04x06: Lost Souls | Crítica da Série 4


O que você achou desse Post?

LOL
0
GOSTEI
0
AMEI
0
CONFUSO
0
Engraçado
0
Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Séries e Tv

1 Comment

  1. Olá, eu gostei muito do eps e concordo com você que a equipe Arrow de fato está muito grande. E achei um pouco absurdo já terem colocado a Sara em ação, pois era de se imaginar que ela passaria pelo mesmo dilema que Thea está passando.
    E espero muito que o Curtis (esse é o nome do cara que trabalha com a Felicity?) não entre pro time, senão que identidade secreta é essa que todos sabem?

    Mas discordo dos dramas entre Oliver e Felicity, eu acho normal eles terem problemas, brigas, pois isso faz parte da vida. Não existe casal bem 100% do tempo. E pra eles serem um casal sólido é preciso saber lidar com isso. Seria chato se todo eps tivesse um drama, mas foi o 1o e estamos no 6o eps. Então pra min foi OK.

    E por mim Donna ficava mais um eps pra vê-la mais um pouco com o Lance.

Leave a reply