Demolidor: 1° Temporada | Crítica da Série 19

Demolidor: 1° Temporada | Crítica da Série

Inspirado na obra de Frank Miller, O Homem sem Medo, o Netflix consegue trazer atona uma de suas obras mais dinâmicas e sombrias que explora um outro lado da Marvel.

Nós estávamos acostumado com um tom mais alegre e brincalhão em relação as obras da Marvel, mesmo com o último filme do Capitão América e o próximo dos Vingadores mostrando algo diferente. Muitos ainda viam a DC comics como quem explorava um lado mais sombrio dos seus heróis. Bom, Demolidor chegou para mostrar como realmente explorar o lado sombrio e como conduzir uma série de super-heróis.



Matt Murdock ( Charlie Cox) ficou cego ainda muito jovem, mas o que ele perdeu acabou elevando seus outros sentidos num nível sobre-humano. Vendo sua cidade, Hell’s Kitchen, caminhando para o inferno, Matt descobriu que ele podia ver tudo ao seu redor com seus outros sentidos, o que o fez uma arma poderosa que podia trazer justiça a todos que não podiam se proteger. Mas nunca uma ameaça tão grande começou a se erguer. Eles não dizem seu nome, mas se Matt está destinado a ser o herói sem medo,  Wilson FiskVincent D’Onofrio) está destinado a ser o Rei do Crime.

Eu sempre fui fã de séries como Gotham, Arrow e The Flash, Agents of Shield nem tanto, mas não consigo ver ver essas séries do mesmo modo depois de Demolidor. O herói sempre teve um grande potencial para ser explorado, mas ninguém conseguia traze-lo a tona. Precisou o Netflix para isso. Para quem nunca viu suas séries, eles conseguem nos chocar e nos deixar de cabelos em pé com apenas poucos episódios. Depois de Demolidor, todas as outras séries de super-heróis vão parecer estar faltando algo.

Charlie Cox conseguiu incorporar o lado mais humano e justiceiro de Matt. O garoto de Stardust cresceu. Não consigo imaginar mais ninguém para esse papel, do mesmo modo que não imagino outro para ser seu fiel amigo FoggyElden Henson) ou para a jovem  Karen PageDeborah Ann Woll). Todo o elenco complementou essa história perfeita.

Claro que a maior revelação foi Vincent D’Onofrio. No começo achei seu Wilson Fisk um pouco fraco. Estamos falando do Rei do Crime, ele tem que ser poderoso. Mas logo ele mostra seu lado mais cruel e sádico. Ambos o Rei do Crime e o Demolidor estão tentando salvar a cidade, mas o modo como Fisk se perde começa a nos dar uns vislumbre do maior mafioso dos quadrinhos.

A série também menciona muito do Universo Marvel, já esperávamos por isso, mas soltar uma piada sobre o próximo filme dos Vingadores foi de abraçar o coração. Essa foi a melhor série de heróis que já vi. Dói muito saber que terei que esperar tanto para segunda temporada,  estou louco para mais um confronto entre Matt e Fisk, e o surgimento da Elektra. Sim, eles mencionaram ela. 

Confira o trailer da primeira temporada abaixo:

[[youtube http://www.youtube.com/watch?v=y3GkQ6yoAA4]]

 

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
Demolidor: 1° Temporada | Crítica da Série 29
News: Book trailer do livro “Sabado a Noite”, de Babi Dewet.