"Game of Thrones" usa o som de tartarugas transando para representar rugido de dragões 3
Séries e TvHBO

“Game of Thrones” usa o som de tartarugas transando para representar rugido de dragões

Os dragões em Game of Thrones são tão bem produzidos que, ao assistir a série, é até fácil esquecer que eles não existem na vida real. Entre os fatores que contribuem para Drogon, Rhaegal e Viserion serem tão bem feitos está o rugido que eles emitem, bem altos e que aterroriza alguns dos personagens. Para deixar o rugido bem característico, a produção precisou ser criativa e misturar muitos sons, inclusive o de tartarugas fazendo sexo.

Em uma entrevista para a RadioLab, a designer de som da série, Paula Fairfield, explicou como ela criava os sons dos dragões se movendo, rugindo e se comunicando com outros personagens. Entre os sons utilizados estão vários ruídos de animais, incluindo pássaros, répteis, asas de libélulas, assobios nasais de seu próprio cão e o gemido do acasalamento de tartarugas.

Mas tem um motivo importante para Fairfield ter escolhido este som em particular, já que ela queria que cada um dos dragões tivessem personalidades diferentes. O Drogon, por exemplo, é o favorito de Daenerys Targaryen e é o que ela prefere usar para os voos. Segundo a designer, de certa forma “é como o amante dela”.

“O gemido do macho [tartaruga] na verdade se tornou, com algum trabalho e ajustes e outras coisas, a base do ronronar de Drogon.”

Aos 15 segundos do vídeo abaixo, é possível ouvir o rugido do dragão:

Fairfield acrescentou que na primeira vez que assistiu às cenas de ronronar com uma plateia maior, as pessoas não puderam deixar de rir sem saber o motivo.

“Para mim, é porque [o ronronar] tinha aquela essência, esse tipo de essência sexual”, afirma.

via revistagalileu

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


"Game of Thrones" usa o som de tartarugas transando para representar rugido de dragões 4


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Séries e Tv

Leave a reply