A mitologia do Homem-Morcego fica mais forte e toma por completo Gotham

Gotham evolui bastante em suas temporadas quando finalmente decidiu abraçar a esquisitice da cidade e nos dar uma série que pega muito do que Tim Burton fez em seu filme do Batman. Eu estou muito feliz em dizer que essa terceira temporada pode ser a melhor que os produtores nos deram. 

Sendo dividida em duas partes. Primeiro nós tivemos a “Mad City” e depois “Heroes Rise“. Eu até entendo porque os roteiristas escolheram esses nomes. Na primeira parte tivemos o arco do vírus e Jerome (Cameron Monaghan) voltando para dar aquele show que tanto amamos, que realmente marcou seu relacionamento com Bruce (David Mazouz). Deu para ver um vislumbre dos dois no futuro e para mim foi o meu episódio favorito.

Embora essa primeira parte tenha sido boa, com Nygma (Cory Michael Smith) se tornando o Charada e o Pinguim (Robin Lord Taylor) caindo, nada poderia superar a segunda parte dessa temporada, onde fomos a fundo na Corte das Corujas. Eu realmente estava ansioso para o retorno da organização que controla Gotham pelas sombras e o plano que eles tinham para Bruce Wayne.


Realmente nosso garoto cresceu e eu fiquei tenso no meu assento vendo Gordon (Ben McKenzie) tendo que lidar com o futuro que a organização tinha para a cidade. Realmente muitas coisas aconteceram e acho que posso dizer que estamos chegando ao fim da linha. Nossos personagens estão se tornando quem deviam ser e de um modo muito bem feito.


» Siga o Burn Book no Facebook Instagram e no Twitter e receba todas novidades dos livros, filmes e séries! «

Estou ansioso para para o quarta ano. Sem entrar muito em spoilers, mas será que estou sentindo um Batman: Year One chegando?

Deixe sua opinião aqui :)

Sem mais artigos