Fullmetal Alchemist | Crítica

Um dos animes mais populares finalmente ganha seu live-action

Fullmetal Alchemist é um anime que muita gente cresceu vendo. Tendo uma construção de mundo perfeita e personagens que conseguem equilibrar muito bem o drama e o humor, o trabalho da japonesa Hiromu Arakawa podia dar um grande filme. Talvez tenha sido pela popularidade do manga e do anime que a Netflix decidiu comprar os direitos de exibição do filme fora do japão.

O longa nos apresenta os jovens alquimistas Edward Elric (Ryosuke Yamada) e Alphonse Elric (Atomu Mizuishi) e sua busca pela Pedra Filosofal, um objeto de poder inimaginável. Os dois garotos acreditam que a pedra pode recuperar seus corpos, que lhes foi tirado no dia que cometeram o grande pecado de tentar reviver a mãe usando transmutação humana, mas nem imaginam a grande conspiração que tal poder esconde. 

Em termos de criação de mundo, o filme realmente consegue cativar. Todo cuidado é pouco para fazer você sentir que está mesmo no começo de um século 20, onde a ciência derrubou barreiras com o uso da alquimia e da robótica. Você vai ficar encantado com os cenários e com os atores.

Infelizmente, a adaptação tem muita cara de filme de terror B. Isso fica claro em algumas tomadas e principalmente na caracterização dos vilões. Ás vezes parecia que eu estava vendo mais um cosplay bem feito, mas que não era cinematográfico.

Os efeitos especiais só mostram como uma história como aquela precisava de uma verba maior. Eu sei que não estamos falando de uma produção hollywoodiana, mas isso não ajuda o telespectador a levar o filme a sério. Ainda mais com seu meio arrastado, que se recupera no terceiro ato. É lá que a jornada dos dois irmãos te puxa para a tela. 

No final, a adaptação de Fullmetal Alchemist vai agradar aos fãs, mais pela sua fidelidade ao material de origem do que pelo filme em si. O final deixa um grande gancho, mas como não teve notícias de um segundo filme, não sei o que esperar para o futuro da franquia.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

More Stories
The Vampire Diaries e The Originals terão um novo crossover