O Justiceiro: 2° Temporada | Crítica da Série 8
NetflixCríticasSéries e Tv

O Justiceiro: 2° Temporada | Crítica da Série

O segundo ano de O Justiceiro chegou para a felicidade de muitos, que são fãs de Frank Castle (Jon Bernthal) e estavam loucos para seu retorno, mas triste para alguns que sabem que esse provavelmente é a última temporada do anti-herói. Afinal, com as séries da Marvel na Netflix sendo canceladas, e o próprio Jon já se dizendo em paz se isso acontecer, não é loucura pensar que O Justiceiro e Jessica Jones vão encontrar seu fim como Demolidor, Luke Cage e Punho de Ferro encontraram.

O Justiceiro: 2° Temporada | Crítica da Série 9

Mas vamos falar da temporada em si: ela valeu a pena? Bem, foi uma temporada boa. Ela foi divida em duas tramas centrais, focadas em dois antagonistas para Frank: Billy Russo (Ben Barnes), antigo amigo, e John Pilgrim (Josh Stewart), um homem religioso que procura redenção. Ambos os antagonistas são bons e seus enredos são mais do que satisfatórios. Você acaba querendo saber mais deles e de suas loucuras.

O problema é que essas duas tramas não conseguem combinar juntas. Entre tantos momentos que podiam ser incríveis, o andamento pouco orgânico do enredo diminui o impacto das cenas. Quando isso aconteceu, o que segura as pontas foi o protagonismo forte do Justiceiro. Jon fez um trabalho incrível. Além de se dedicar ao máximo nas cenas de ação, ele consegue trazer uma profundidade ao personagem que mostra como é um ator talentoso. Mesmo se essa for a última vez que o veremos erguendo o manto do vigilante, vejo um futuro brilhante para ele. 

O Justiceiro: 2° Temporada | Crítica da Série 10

Eu só queria ter visto Frank mais na estrada com a personagem Amy Bendix (Giorgia Whigham). Essa nova adição ao elenco foi muito boa, mas sinto que ficaria melhor se tivessem ignorado a primeira temporada e deixado os dois viajando como parecia que seria nos primeiros episódios. Uma pena.

No entanto, mesmo com falhas, foi uma boa temporada. Ela fechou bem a história de Frank, de modo que você não precisa continuar. Não sei se foi a intenção showrunner ou não. Só sei que os fãs desse personagem podem dormir tranquilos sabendo que tiveram um final. Não são todas as séries que têm.

O Justiceiro: 2° Temporada | Crítica da Série 11

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


O Justiceiro: 2° Temporada | Crítica da Série 12


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Netflix

Leave a reply