O Vazio 1° Temporada | Crítica da Série 6
NetflixSéries e Tv

O Vazio 1° Temporada | Crítica da Série

Preparados para uma animação incrível?

O Vazio é o mais novo trabalho de Vito Viscomi sobre um grupo de jovens num mundo cheio de aventuras, desafios e muitos mistérios a serem revelados. Eu estava um tanto com o pé atrás para começar essa Original Netflix, mas depois que comecei não consegui parar.

O Vazio 1° Temporada | Crítica da Série 7

Na história temos Adam (Adrian Petriw), Kai (Connor Parnall) e Mira (Ashleigh Ball) que acordam sem memória de quem são ou como foram parar naquele espaço sem portas. Eles logo descobrem que estão num lugar muito maior e que eles próprios possuem habilidades que nenhuma outra criança deveria ter. A medida que a história vai decorrendo, vemos a dinâmica entre eles crescendo e um mundo cheio de possibilidades, das mais assustadoras até as mais incríveis.

O Vazio 1° Temporada | Crítica da Série 8

A animação é incrível e dá para ver como a história se inspira em elementos clássicos para contar uma grande aventura. Esse é definitivamente um desenho para todas as idades e vai deixar muitos criando suas próprias teorias. Não sei se teremos uma segunda temporada, já que o arco foi muito bem fechado, mas adoraria rever esses personagens.  

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


O Vazio 1° Temporada | Crítica da Série 9


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Netflix

Leave a reply