Punho de Ferro: 2° Temporada | Crítica da Série

Punho de Ferro retorna e nos entrega uma temporada de tirar o folego

Danny Rand (Finn Jones) está de volta, dessa vez para fazer com que sua série encontre a redenção que os fãs tanto esperam. Realmente, a primeira temporada de Punho de Ferro deixou muitos decepcionados, e até com vontade de abandonar o universo dos Defensores, mas com uma nova equipe de roteiristas e um novo showrunner, a série encontrou seu caminho.



M. Raven Metzner, o novo showrunner, procurou trazer um novo lado de Danny. Você consegue ver perfeitamente como o personagem está mais maduro, ao mesmo tempo que tem que aprender com os seus erros, ele não deixa de procurar o melhor nas pessoas. Eu vi um novo Danny, ainda teimoso e que precisa pensar mais antes de agir, mas foi muito mais gostoso acompanhá-lo dessa vez. Sua dinâmica com seu antigo amigo Davos (Sacha Dhawan) trouxe momentos incríveis para a temporada. Eu fico tão feliz quando acertam no vilão. Quando você tem o ator certo e o deixa brilhar, você tem toda minha atenção.

Enquanto Davos é o Yang de Danny, Colleen Wing (Jessica Henwick) é o Yin. A personagem brilhou muito nessa temporada, na verdade, Raven conseguiu fazer com que todos os personagens brilhassem, tirando o melhor dos coadjuvantes da série, com a adição da personagem Mary Walker (Alice Eve) muito bem colocada.

No final, Punho de Ferro ainda não está no mesmo nível que Demolidor ou Jessica Jones, mas está finalmente no caminho. Quem for dar uma nova chance a Danny não vai se arrepender. Até as lutas estão melhores. 




» Siga o Burn Book no Facebook Instagram e no Twitter e receba todas novidades dos livros, filmes e séries! «

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
Postagem coletiva: Universo em expansão! #MayThe4BeWithYou