The Boys | Atriz de Luz Estrela usou o Me Too para criar a personagem 3
Séries e TvAmazon Prime

The Boys | Atriz de Luz Estrela usou o Me Too para criar a personagem

Em entrevista à CNET, a atriz Erin Moriarty, que vive Annie January/Luz Estrela na série The Boys, contou como o movimento “Me Too” e suas próprias experiências pessoais, a ajudaram a interpretar um momento muito importante da produção da Amazon Prime Video.

Luz Estrela revela seus poderes e sofre assédio sexual de um membro dos Sete, uma equipe de super-heróis corruptos tratados como celebridades pela humanidade.

“Uma das maneira que eu uso para montar um personagem é desenhá-lo a partir das minhas experiências pessoais. Acho que quando posso pegar alguns aspectos meus, como Erin, e conectá-los com um personagem como Annie, me faz mais presa ao momento da cena e ainda mais conectada à personagem.  Eu uso muito uso da minha experiência própria e também da de outras pessoas. Me ajudou muito que o movimento ‘Me Too’ tenha começado a tomar força na nossa indústria e que mulheres estão contando suas histórias sobre o que elas passam. Foi uma combinação das minhas experiências e um pouco de pesquisa que me fez como se eu pudesse habitá-la mais e entender os problemas pelos quais ela passa.”

A primeira temporada de The Boys está disponível no Amazon Prime Video e a série já foi renovada para a sua segunda temporada.

via jovemnerd

Ouça o último episódio do BurnCast:

Você pode ouvir BurnCast no Burn Book, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music ou no aplicativo de sua preferência. Assine ou siga o BurnCast, para ser avisado sempre que tiver novo episódio no ar.


The Boys | Atriz de Luz Estrela usou o Me Too para criar a personagem 4


Guilherme Cepeda
Guilherme Cepeda é podcaster, blogueiro e escritor. Pós-Graduado em Marketing e apaixonado por tecnologia e literatura desde sempre, em 2010 resolveu criar um blog para compartilhar sua opinião com os amigos. Jamais imaginaria que o projeto chegaria tão longe, tornando-se hoje o Burn Book, um dos maiores portais de literatura jovem do Brasil. Escreveu em co-autoria os livros da série Minha Vida, e em seu trabalho mais recente, já pela Editora Burn Books, publicou o conto “Estarei em Casa para o Natal” na antologia que leva o mesmo nome, também foi publicado em outras antologias pelas Editoras Wish, Villa-Lobos e Rouxinol. Guilherme é co-criador do Podcast “BurnCast”, o qual é responsável pela edição, pós-produção e roteiro há mais de um ano.

Você pode gostar de:

Mais Posts em:Séries e Tv

Leave a reply