Você: 1ª temporada | Crítica 16

Você: 1ª temporada | Crítica

O que você faria por amor? Essa é a pergunta que você se faz ao assistir a série “Você”. Originalmente do canal Lifetime e recém adquirira pela plataforma Netflix, a série com 10 episódios acompanha a mente perturbada de Joe Goldberg (Penn Badgley, de Gossip Girl), um gerente de livraria que se apaixona a primeira vista por Beck (Elizabeth Lail, Once Upon a Time).

Você: 1ª temporada | Crítica 17



Uma história de amor do século XXI que questiona: ‘O que você faria por amor?’. Na trama, um gerente de livrarias conhece uma aspirante a escritora, e usa a internet e as mídias sociais como ferramentas para reunir as informações pessoais e se aproximar dela. A estranha paixão rapidamente se torna obsessão, ao mesmo tempo em que ele passa a eliminar silenciosa e estrategicamente todos os obstáculos – e pessoas – que aparecem no seu caminho.

A série é contada a partir do ponto de vista de Joe, e é ele que narra boa parte da história, como se estivesse contanto e justificando seus pensamentos e atos para Beck.

Penn está sensacional nessa série. Ele conseguiu dar um ar aterrorizante e sedutor no personagem, e você consegue até se apegar a ele. Claro, ele é manipulador e possessível, e tem uma mente doentia. A série deixa isso bem claro quando ele julga o ex namorado e a melhor amiga de Beck, sem nem mesmo perceber que está fazendo a mesma coisa. Ele não conhece a diferença entre obsessão e amor. Apesar da grande caçamba de lixo que é o Joe, os autores conseguem humanizar o personagem, trazendo traumas do passado e a amizade com Paco, o filho de seus vizinhos.

Você: 1ª temporada | Crítica 18

Beck, por sua vez, é irritantemente ingênua. Por diversas vezes ela se deixa ser manipulada, se não por Joe, pelo ex namorado Benji, ou por Peach (Shay Mitchell, Pretty Little Liers), ou pela família. Ela também carrega bagagens, e a série aborta muitos dos problemas que ela trás consigo, mas sempre que Joe (a sua maneira) tentava alerta-la sobre as pessoas tóxicas que a cercavam, ela fazia exatamente o contrário. E então descobria que Joe estava certo (porque ele é doido e ele entende de gente doida), e voltava para se desculpar.

A série vale a pena. O thriller tem uma proposta mais dramática com alguns alívios cômicos bem vindos. Apesar do primeiro episódio morno, ela te prende e te faz querer devorar até o último episódio.

Você é uma série baseada no livro homônimo de Carolina Kepnes e foi lançada no dia 26 de dezembro na Netflix. A segunda temporada já foi confirmada pela plataforma.




» Siga o Burn Book no Facebook Instagram e no Twitter e receba todas novidades dos livros, filmes e séries! «

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.

Leia Mais
Você: 1ª temporada | Crítica 29
News: Capa e sinopse do livro “Os Arquivos Perdidos”, de Pittacus Lore.